Covid: Roberto Cláudio anuncia chegada de quatro toneladas de EPIs a Fortaleza

Em live no Facebook, o prefeito falou ainda sobre a ampliação de unidades de saúde aptas a fazer diagnóstico de Covid-19

Legenda: O prefeito Roberto Cláudio fez pronunciamento por meio de sua conta no Facebook nesta terça (28)
Foto: Foto: Reprodução

Deve chegar no fim da manhã desta quarta-feira (29), carregamento de Equipamentos de Proteção Individual, os EPIs, para Fortaleza. Serão quase quatro toneladas deste material, anunciou o prefeito Roberto Cláudio em live no Facebook nesta terça-feira (28). Os equipamentos, vindos da China, já hegaram ao Brasil.

O carregamento será direcionado aos profissionais de saúde que atuam em urgência e emergência, principalmente os que atendem casos confirmados ou suspeitos da infecção causada pelo novo coronavírus. "Queremos garantir o ciclo de segurança contra a infecção hospitalar dentro das unidades exclusivas de Covid em Fortaleza", afirmou o prefeito. 

Roberto Cláudio afirmou ainda que já a partir desta quinta-feira (30) seis postos de saúde de referência começam a atender pessoas com sintomas similares aos da Covid-19. A intenção é desafogar as Unidades de Pronto Atendimento (UPAs), que vinham sendo as principais portas de entrada para o sistema de internação de pacientes da infecção. 

Os postos de saúde de referência para este atendimento serão:
. Maria Aparecida Lima de Almeida (bairro Conj. Nova Assunção), na Regional 1; 
. Frei Tito (bairro Antônio Diogo), na Regional 2; 
. Anastácio Magalhães (bairro Rodolfo Teófilo), na Regional 3; 
. Dom Aloísio Lorscheider (bairro Itaperi), na Regional 4; 
. Maciel Brito (bairro Conjunto Ceará), na Regional 5; e
. Edmar Fujita (bairro Dias Macedo), na Regional 6.


Informação
O prefeito Roberto Cláudio, junto a autoridades de saúde municipal,  também está realizando reuniões com líderes comunitários em bairros e áreas com infecção acelerada. O objetivo é propagar as principais medidas de de prevenção contra o novo coronavírus. Entre elas, o cumprimento do isolamento social e a orientação de que pessoas acima de 60 anos procurem unidades de saúde se tiverem sintomas suspeitos de Covid-19. 

Devem ocorrer, pelo menos, cinco reuniões ainda nesta semana para conversar com lideranças de bairros como Messejana, Antônio Bezerra, Montese e Quintino Cunha. 

Nesta quarta-feira começa ainda a distribuição de cestas básicas para beneficiários do Bolsa Família que não possuem filhos em idade escolar, além de taxistas, motoristas de aplicativos, motoristas de transporte escolar e mototaxistas. A distribuição é referente ao mês de abril e deve ocorrer também na próxima semana. Os agendamentos estão sendo feitos para evitar aglomerações nos locais de distribuição.

Suporte
A Prefeitura de Fortaleza deve fornecer ainda apoio a Caixa Econômica Federal a partir do dia 4 de maio. Servidores da Agência de Fiscalização de Fortaleza e educadores da Fundação da Criança e da Família Cidadã estarão ajudando na organização das filas de quem está indo às agências em busca do auxílio emergencial. 

Toldos devem se concentrar nas 20 agências com maior fluxo de pessoas com distribuição de máscaras e álcool em gel, além de orientação sobre a distância regulamentar nas fila. 

Além disso, alternativas para informar os beneficiários do auxílio sobre o dia e horário em que devem comparecer às agências. "Temos que evitar que na hora de pegar o dinheiro, o trabalhador se contamine", ressaltou o prefeito. 


 

Quero receber conteúdos exclusivos sobre política