Bolsonaro pede a governadores veto ao aumento de salário dos servidores públicos

De acordo com Bolsonaro, congelar reajustes na remuneração de todos os servidores públicos até o fim do ano que vem é o "remédio menos amargo" para o funcionalismo

Legenda: Jair Bolsonaro
Foto: Agência Brasil

O presidente Jair Bolsonaro afirmou nesta quinta-feira (21) que o objetivo da reunião por videoconferência com governadores é minorar os efeitos sobre os afetados "na ponta" pela crise do novo coronavírus, sobre a qual "não sabemos o tamanho da sua dimensão".

"Temos que trabalhar em conjunto a sanção de um socorro aos senhores governadores, de aproximadamente R$ 60 bilhões, também extensivo a prefeitos", disse o presidente na abertura do encontro. "O que se pede apoio aos senhores é a manutenção de um veto muito importante", seguiu.

De acordo com Bolsonaro, congelar reajustes na remuneração de todos os servidores públicos até o fim do não que vem é o "remédio menos amargo" para o funcionalismo, "mas de extrema importância para todos os 210 milhões de brasileiros". 


Categorias Relacionadas