O que a advocacia pode esperar de 2024?

Escrito por Matheus Brito ,
Sócio-diretor da Unijuris
Legenda: Sócio-diretor da Unijuris

É fato que a advocacia é uma área dinâmica, muitas vezes imprevisível, que necessita de constante atualização e adaptação por parte dos seus profissionais. No entanto, já existem caminhos previsíveis que os advogados podem esperar para 2024.

Por exemplo, uma advocacia cada vez mais remota, flexível, diversa já faz parte da vivência de muitos profissionais do ramo. Muitos escritórios e advogados autônomos podem continuar a oferecer modelos de trabalho flexíveis, já que este formato permite que os advogados atendam a clientes de qualquer lugar. Nesse contexto, muitos advogados também têm optado por escolher coworkings para trabalhar, já que conseguem ter um espaço profissional, com a flexibilidade de pagar apenas pelo tempo que utilizar, sem a necessidade de ter um escritório próprio. 

Outra realidade cada vez mais presente na rotina de muitos advogados são as temáticas que envolvem cibersegurança e segurança de dados. Com a vigência da LGPD, esse é um tema que requer constante atualização dos profissionais, que devem estar por dentro do que estabelece a Legislação. Ainda relação ao mundo cibernético, a era digital se consolidou no âmbito jurídico. Audiências online, automação, documentação em nuvem, dentre outros recursos, demandam que o profissional do Direito esteja sempre atualizado com as novidades do universo virtual. Quem não se adaptar a essa nova realidade, infelizmente corre o risco de ficar obsoleto.

Em meio ao contexto da era digital, destaca-se também a globalização dos negócios e a crescente interconexão entre advogados e clientes de diversas partes do mundo. Portanto, é importante que os profissionais desse segmento dominem o direito internacional, pois podem se deparar com casos que envolvam legislações de outros países.

Em síntese, 2024 promete trazer um novo cenário para os advogados que buscam sempre o desafio de crescer e se aprimorar profissionalmente, sobretudo no que tange à era digital. O segredo é sempre buscar se adaptar às novas mudanças, sem perder sua identidade, reconhecendo as suas potencialidades e procurando aprender o que tem dificuldade.

Matheus Brito é sócio-diretor da Unijuris 

Renata Fernandes é diretora da Associação Fortaleza Azul (FAZ) e mãe de autista
Renata Fernandes
02 de Março de 2024
Flaviana Lopes dos Santos é analista de ativos e configuração da Golden Cloud
Flaviana Lopes dos Santos
02 de Março de 2024
Jornalista e senador constituinte
Mauro Benevides
29 de Fevereiro de 2024
José Luiz Medrado é gestor comercial da MRV no Ceará
José Luiz Medrado
29 de Fevereiro de 2024
Robinson de Castro é presidente do Grupo Controller
Robinson de Castro
28 de Fevereiro de 2024
Alessandra Augusto é psicóloga
Alessandra Augusto
27 de Fevereiro de 2024
Jornalista. Analista Judiciário (TRT7) e Mestrando em Direito (Uni7)
Valdélio Muniz
26 de Fevereiro de 2024
Marcos Venício é gerente de marketing do Centro Fashion
Marcos Venício
25 de Fevereiro de 2024
Val Freitas é sócia da Repense Financeira
Val Freitas
24 de Fevereiro de 2024