Confira as novas regras de pontuação no TudoAzul; compare com outros programas de milhas

Azul Linhas Aéreas alterou regras de pontuação, upgrade e número de passageiros beneficiários

Legenda: Outra mudança no programa TudoAzul diz respeito à lista de passageiros beneficiários para o resgate ilimitado de bilhetes aéreos nas modalidades pontos ou pontos mais dinheiro
Foto: Foto: Fabiane de Paula

Desde o dia 15 de janeiro deste ano, a Azul Linhas Aéreas mudou as regras para acúmulo de milhas no seu programa TudoAzul. As alterações têm o objetivo de ampliar a concorrência com outros programas, como Smiles, da Gol, e o Latam Pass, da Latam.

A companhia mudou, por exemplo, as pontuações de acordo com a categoria do passageiro e da tarifa escolhida pelo viajante. Antes da nova regra, o cliente TudoAzul (categoria mais básica) que optasse pelas tarifas Azul ou Mais Azul recebia 2 pontos a cada R$ 1 gasto. Com a alteração, este mesmo viajante marca 1 ponto a cada R$ 1 gasto. 

As alterações da regras do TudoAzul devem beneficiar principalmente os clientes da categoria Diamante, a mais alta na companhia. Antes, os passageiros desse grupo recebiam até 4,5 pontos por cada R$ 1 gasto. Com a mudança, os viajantes podem ganhar até 6 pontos por cada R$ 1. Essas regras de pontuação são para voos domésticos ou na América do Sul.

A empresa também aumentou a pontuação necessária para receber o upgrade ou manter as categorias Topázio ou Safira. Os escores sobem respectivamente de 4 mil e 8 mil pontos qualificáveis para 5 mil e 10 mil pontos. 

Outra mudança no programa TudoAzul diz respeito à lista de passageiros beneficiários para o resgate ilimitado de bilhetes aéreos nas modalidades pontos ou pontos mais dinheiro. De acordo com a Azul, os cinco beneficiários poderão ser livremente indicados pelo Participante TudoAzul. Antes, o limite era de 20 CPFs por ano.

"Os cadastros dos beneficiários ficarão registrados no perfil do Participante e deverão ser realizados através do website ou central de atendimento Azul, com nome completo, CPF ou número TudoAzul, data de nascimento e gênero. Caberá ao TudoAzul validar tais informações", informou a companhia.

Latam
Cada companhia aérea possui suas regras de pontuação. Na Latam, por exemplo, existe um multiplicador para cada categoria de clientes. O grupo mais básico é o Latam cujo multiplicado é 2,5.

Caso o passageiro desta categoria compre uma passagem no valor de R$ 200, as milhas deste voo são contabilizadas multiplicando 2,5 por 200, totalizando 500 pontos. 

Se o viajante for cliente Black Signature o multiplicado é 8. Caso a passagem custe R$ 200, o passageiro vai obter ao final da viagem 1,6 mil pontos. Essa pontuação vale para voos domésticos e começa em 2,5 (cliente Latam), 4 (Gold), 5 (Gold Plus), 6 (Platinum), 7 (Black) e 8 (Black Signature). 

Gol
Na Gol, as pontuações dependem da tarifa que o passageiro escolhe na hora da compra da passagem. Na tarifa Light, cada R$ 1 gasto vale 1 milha Smiles. Na Plus, 2 milhas por cada R$ 1. E na tarifa Max, 3 milhas por cada real. 

As pontuações também variam de acordo com a categoria do cliente, companhias parceiras e cartões de crédito vinculados ao Smiles.
 

Quero receber conteúdos exclusivos sobre negócios