Estudante cearense conquista primeiro lugar no vestibular do ITA

Neste ano, o vestibular do ITA reuniu mais de 9,7 mil inscritos para 150 vagas

foto pedro
Legenda: Esta foi a primeira vez que o estudante realizou a prova
Foto: Arquivo pessoal

O cearense Pedro Pinheiro, 18 anos, conquistou o primeiro lugar no vestibular do Instituto Tecnológico de Aeronáutica (ITA), que aconteceu nos meses de novembro e dezembro de 2020. O aluno estuda especificamente para exames militares desde o 1º ano do Ensino Médio. Em 2020, ele cursou o 3º ano. A rotina, devido à pandemia, passou por algumas adaptações, mas, geralmente, segundo ele, são 12h do dia dedicadas ao aprendizado. Esta foi a primeira vez que ele realizou a prova do ITA.  

Neste ano, o ITA teve mais de 9,7 mil inscritos para 150 vagas dos cinco cursos de graduação em engenharia. O estudante explica que o sonho de estudar na “melhor faculdade de engenharia do Brasil”, como ele mesmo descreve, o fez querer dedicar todo o Ensino Médio a uma rotina sempre preenchida de afazeres.  

“Eu estudo para isso desde 2018. Eu acordava 5h30, saia de casa às 6h e voltava 21h30. Estudava de manhã no colégio e a tarde assistia aula das 13h30 às 20h30. As matérias que são cobradas são Matemática, Física e Química, em um nível bem acima do Ensino Médio padrão, além de Português e Inglês”, relata. 

Assim como os outros alunos, Pedro teve que lidar com a distância da escola e dos professores, por consequência da pandemia, para conseguir manter o ritmo dos estudos. O diretor de ensino do Colégio Antares, Marcondes Carvalho, unidade onde Pedro estuda, conta que a quantidade de estudantes na turma foi essencial para que os profissionais dessem a atenção necessária para cada um.

“Continuamos com as aulas no Google. As turmas são pequenas, são 13 anos no 3º ano. A gente só recebe alunos que vêm desde o 1º ano nessa turma específica. A preparação, as avaliações, tudo foi pelo Meet”, informa.   

A maior dificuldade relatada pelo estudante foi a falta de interação com os amigos e colegas de classe. Porém, apesar dos obstáculos, Pedro disse que estava confiante quanto à aprovação.

“Sinceramente, passar no ITA não foi muita surpresa tão grande, por causa da minha preparação, agora passar em 1º lugar geral foi realmente surpreendente, não esperava nem um pouco”, afirma.

Concluído o objetivo, a próxima meta é aprofundar a oportunidade. “Quero buscar evoluir cada vez mais, aproveitando que estou numa instituição de excelência agora, buscarei me aprimorar ao máximo e sempre buscar mais e mais”, complementa. 

Marcondes ressalta que a conquista do aluno reforça a referência que o Ceará se tornou devido aos bons resultados em vestibulares. “Normalmente temos alunos que fazem o exame mais de uma vez. Você ter um aluno de 3º ano que passa pela primeira vez e em primeiro lugar, é um fato muito extraordinário. E um aluno que está com a gente desde de pequeno, vem subindo com a gente, nos deixa muito felizes”. 

Para quem tem o sonho de ser aprovado no ITA, o diretor aconselha não desistir e ser sempre disciplinado. “Tem que ter vontade, disciplina, determinação. Tem que se dedicar, tem que dedicar muito tempo para a realização desse sonho. E o futuro é algo que você vai construindo agora. Errou? Procura saber o que errou e estuda novamente”, orienta.  

De acordo com a sua experiência, Pedro completa: “Tenha confiança, as vezes você se questiona se realmente está funcionando você estudar muitas horas por dia e fazer esse sacrifício diário, mas se você tiver confiança em você mesmo e acreditar que consegue passar, esse sentimento logo vai embora. Então, tenha muita confiança em você mesmo e acredite no seu resultado, porque, assim, com certeza ele virá”.  

 

Quero receber conteúdos exclusivos da cidade de Fortaleza