Temer vira réu no caso da mala de R$ 500 mil

O caso transitava no Supremo Tribunal Federal, mas após a perda do foro do ex-presidente, foi remetido para primeira instância