Arraias são resgatadas com traficantes em barreira da PRF em Sobral

Os animais estavam vindo do interior do Piauí para Fortaleza

Foto: Foto: Semace/ Divulgação

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) apreendeu quatro arraias durante uma barreira policial, em Sobral, nesta terça-feira (4). Os animais estavam sendo transportados por traficantes em sacos plásticos, vindos do interior do Piauí para Fortaleza. Os suspeitos foram levados à Polícia Civil e vão responder por crime ambiental.  

As arraias são filhotes de cerca de 15 centímetros da espécie Potamotrygon motoro, que vive em água doce, em estados como Pará e Maranhão, explicou a Superintendência Estadual do Meio Ambiente (Semace). De acordo com o órgão, os sacos onde estavam as arraias tinham pouca água e não havia renovação de oxigênio.  

“A Semace buscou parceiros para prolongar a vida destes animais, visto que o oxigênio disponível nos sacos plásticos não passaria das 23 horas de terça-feira”, comentou o diretor regional da Semace em Sobral, Cleverton Caçula.   

Apesar disso, não foram encontrados sinais de doença ou ferimentos nos animais. Após o resgate, eles ficaram abrigados em tanques da Agência Municipal de Meio Ambiente, em Sobral, para se recuperarem do estresse, conforme a Semace. E vão permanecer em observação. 

O próximo passo é devolver as arraias à natureza. Elas devem ser levadas a um rio onde possam ficar em segurança. Segundo a Semace, o retorno dos animais à natureza está sendo articulado com outros estados. Ainda não foram definidos data nem local. 

Você tem interesse em receber mais conteúdo de segurança?