Resultado do vestibular 2019 da Uece será divulgado dia 22; atraso é de quase 1 mês

Lista de aprovados deveria ter sido publicada dia 25 de fevereiro; Comissão Executiva do Vestibular (CEV) justifica que faltam perícias médicas de candidatos com deficiência

Legenda: Atraso na perícia médica de candidatos com deficiência retardou resultado do vestibular da Uece em quase um mês
Foto: FOTO: KLÉBER A. GONÇALVES

Duas fases, 100 questões, uma redação e ansiedade que não cabe em dígitos. Para jovens e adultos que prestaram o vestibular da Universidade Estadual do Ceará (Uece) para ingressar no primeiro semestre de 2019, a incerteza continua: prevista, em edital, para ser divulgada em 25 de fevereiro, a lista de aprovados só sairá no próximo dia 22.

O atraso de quase um mês, conforme justifica a professora Aline Alice, membro da Comissão Executiva do Vestibular (CEV), é causado por uma pendência importante: a realização da perícia médica de 16 candidatos às vagas de cotas para pessoas com deficiência (PCD). Mesmo com o resultado final do vestibular marcado para fevereiro, a convocação para a perícia foi realizada pela instituição apenas no dia 1º de março.

“A perícia vai ser realizada domingo (17). Estava previsto que seria bem anterior a essa data, mas como é a primeira vez que tem cota pra PCD, tivemos problemas técnicos, demandou arranjar médico, ver quando seria feita... Como não ia impactar em nada (no início das aulas), achamos melhor fazer só quando tivesse condição”, explica Aline.

O retardo para a divulgação do resultado final, entretanto, tem bagunçado os planos da estudante Vitória Mendes, 21, que prestou o exame da Estadual pelo quarto ano, desta vez para o curso de Enfermagem. “É angustiante, porque tô em casa só esperando a Uece. Já, já, chega a outra prova (vestibular 2019.2), o Enem… Se eu não passar agora, os cursinhos já vão estar lotados e não vou saber o que fazer”, relata.

Segundo a membra da CEV, “o semestre 2019.1 só deve começar em junho ou julho, porque o 2018.2 ainda está em aulas e termina em maio”. Os prazos, porém, ainda não estão bem definidos pela instituição. "A matrícula dos aprovados só vai ser lá pra abril, maio ou junho”, estima a professora, garantindo que o problema “não se repetirá no próximo vestibular, vai estar tudo regularizado”.
 

Quero receber conteúdos exclusivos da cidade de Fortaleza

Assuntos Relacionados