Hospital São Mateus promove ações para profissionais de saúde

Unidade de saúde realizou semana de homenagens com entrega de gratificações e exposição de painel com os nomes dos colaboradores. Também passou a oferecer suporte psicológico para a equipe médica

Escrito por Redação, metro@svm.com.br

Metro
Legenda: Profissionais de saúde do Hospital São Mateus foram homenageados com um painel onde seus nomes aparecem em destaque

Lidar com o volume de internações por Covid-19 demanda do profissional de saúde ainda mais resistência. A rotina extenuante de trabalho causada pelo novo coronavírus gera sobrecarga física e emocional, que pode ser evitada quando o colaborador também recebe cuidados. Nessas circunstâncias, o Hospital São Mateus resolveu intensificar as ações de acolhimento e motivação de todos os colaboradores que atuam no atendimento de pacientes diagnosticados com o SARS-CoV-2.

"A valorização e o reconhecimento sempre foram valores muito importantes, mas a chegada da pandemia trouxe uma oportunidade de ressaltar o quanto essas pessoas são necessárias e imprescindíveis no cuidado com o ser humano, com a vida", reitera a psicóloga e gerente de gestão de pessoas do Hospital São Mateus, Gláucia Pardini.

Na última semana de maio, a unidade realizou uma série de homenagens aos profissionais, desde a entrega de gratificações, brindes e um cardápio diferenciado. Contudo, segundo Gláucia, a ação que teve o maior impacto foi a instalação de um painel de 10 metros de extensão, na entrada do hospital, com os nomes de toda a equipe.

"Nós conseguimos registrar no painel Anjos da Saúde 711 nomes, dentre médicos, auxiliares, técnicos, enfermeiros, fisioterapeutas, profissionais administrativos e de suporte e prestadores de serviços. Eles ficaram muito emocionados, param para tirar foto e procuram identificar os nomes", ressalta.

A equipe médica também passou a contar com um profissional especializado em situações de crise, que realiza plantões presenciais com atendimentos psicológicos. A ideia é acolher as questões emocionais e as fragilidades dos colaboradores a partir das mudanças que a pandemia impôs à rotina pessoal e de trabalho. "Na prática, nós fortalecemos o nosso olhar para eles, trazendo como premissa o cuidado com quem cuida, porque para eu cuidar do outro, eu preciso estar bem, ser cuidadoso".

Apoio

Para a enfermeira e coordenadora do Pronto Atendimento do São Mateus, Rosani Campos, ter o reconhecimento e o aparato psicológico do Hospital trouxe resultados imediatos na rotina. "Esse novo momento nos abalou muito. Várias pessoas tiveram gatilhos, por causa da preocupação com os pacientes e com a família. Então, vir para o hospital e ter essa valorização foi muito importante para driblar essas questões".

Desde o início da pandemia, o hospital adotou protocolos de segurança para evitar a disseminação do coronavírus, como o trabalho home office para áreas administrativas, antecipação de férias e afastamento de colaboradores do grupo de risco. Segundo a técnica de Segurança do Trabalho, Eliane Andrade, quem continuou no expediente presencial, como os profissionais de saúde, passou por treinamento.

"A gente conscientizou todos os funcionários, estimulando a lavagem de mãos e uso de álcool em gel. Depois vieram as medidas de demarcação de espaço, barreiras no atendimento da recepção e treinamento com EPIs específicos, como 'face shields', que são as máscaras protetoras e macacões", frisa.

Assuntos Relacionados