Wanderson de Oliveira vence atleta da Belarus no boxe peso-leve e vai às quartas nas Olimpíadas

Boxeador brasileiro compete na categoria até 63 kg

Boxeador Wanderson de Oliveira acenando após vitória
Legenda: Atleta segue para as quartas de final após confronto
Foto: Ueslei Marcelino/Pool/AFP

O boxeador Wanderson de Oliveira, 24 anos, venceu, neste sábado (31), Dzmitry Asanau, de Belarus, pelas oitavas da categoria até 63 quilogramas (kg) e avançou mais uma etapa no boxe das Olimpíadas de Tóquio.

Com o resultado, Wanderson vai às quartas e enfrenta o cubano Andy Cruz, na próxima terça-feira (3), às 6h18. O brasileiro já pode garantir medalha no próximo combate.

Como foi a luta

A luta, acirrada, ocorreu na Kokugikan Arena, na capital japonesa. No início, Asanau conseguiu conectar alguns golpes rápidos enquanto Wanderson se defendia. O brasileiro, porém, conseguir revidar e encaixou uma série de golpes, desequilibrando o adversário ao encerrar com um cruzado de esquerda. Apenas um jurado apontou vitória para o atleta belarusso nessa etapa.

Já o segundo round foi mais aberto. Wanderson conseguiu derrubar o adversário novamente, mas o árbitro avaliou que o brasileiro o empurrou. Mesmo assim, os dois trocaram muitos golpes, e a maior parte dos juízes votou pela vitória de Asanau. Apenas um deles deu vitória a Wanderson.

Na etapa decisiva, a luta ainda estava em aberto. Wanderson iniciou algumas sequências, e Asanau buscou o clinch para conseguir interromper o adversário. Os jurados ficaram divididos novamente, mas só um deles deu vitória a Asanau — os demais viram Wanderson triunfar.

Quero receber conteúdos exclusivos de esporte