Por decreto do Governo, jogos finais de Ceará e Fortaleza na Série A podem ocorrer em outro estado

De acordo com o Governo do Estado, somente poderão ser realizadas em solo cearense partidas que terminem antes de 22 horas

arena dunas
Legenda: Arena das Dunas, em Natal, pode ser utilizada como alternativa caso não seja possível jogar no Castelão
Foto: Lucas Catrib / SVM

O novo decreto anunciado pelo Governador Camilo Santana (PT), nesta quarta-feira (17), determinou que os jogos de Ceará e Fortaleza no Campeonato Brasileiro só poderão ocorrer até às 20 horas, como esclareceu Flávio Ataliba, secretário executivo da Secretaria de Planejamento do Estado e coordenador do plano de retomada Governo do Estado. Com isso, há a possibilidade que as partidas finais dos dois times ocorram em outros estados.

A situação não está definida e deverá ser resolvida ainda nesta quinta-feira (18). Quem falou sobre a possibilidade foi o presidente da Federação Cearense de Futebol (FCF), Mauro Carmélio, em entrevista ao Diário do Nordeste.

"Estamos aguardando um posicionamento da CBF. Já enviei comunicado e aguardamos resposta concreta sobre a definição. O decreto não contempla futebol diretamente, e já temos horários que estão pré-fixados. Se não puder realizar no Estado do Ceará, podemos ir para outro local. Natal, João Pessoa...enfim, vamos aguardar. Mas a possibilidade é real. Vai depender da CBF", disse o mandatário da FCF.

Uma possível mudança de local dos jogos seria prejudicial aos clubes cearenses, tendo em vista que a logística das partidas seria completamente alterada.

Tanto Fortaleza como Ceará realizam somente mais um jogo como mandante no Brasileirão. Neste sábado (20), o Tricolor encara o Bahia, às 21 horas. Já o Ceará tem duelo marcado com o Botafogo para a próxima quinta-feira (25), às 21h30min.

Quero receber conteúdos exclusivos de esporte