Fortaleza tem quatro desfalques certos e duas dúvidas para enfrentar o Atlético-MG

Técnico Vojvoda terá que mudar em todos os setores do Tricolor

Vojvoda com as mãos no rosto, triste
Legenda: O Fortaleza sofreu a pior derrota no comando de Vojvoda contra o Galo
Foto: Fabiane de Paula

Além da ingrata missão de precisar reverter quatro gols de vantagem, o Fortaleza tem ainda mais problemas para enfrentar o Atlético-MG, às 21h30min desta quarta-feira (27), em duelo de volta pela semifinal da Copa do Brasil. O técnico Juan Pablo Vojvoda já sabe que tem quatro desfalques para a partida, e a lista pode aumentar ainda mais, considerando as dúvidas.

Ausências certas são as do zagueiro Marcelo Benevenuto e dos meias Lucas Lima e Yago Pikachu. Os dois primeiros já atuaram na competição por outras equipes e não poderão jogar. Já Pikachu levou o terceiro cartão amarelo da série na partida de ida e precisará cumprir suspensão automática.

Além deles, o atacante Robson, que foi titular no Mineirão, sofreu entorse no tornozelo direito, está inclusive utilizando bota ortopédica de tratamento e está fora da partida.

Dúvidas

Legenda: Tinga disputou 41 partidas pelo Fortaleza Esporte Clube na temporada 2021
Foto: Thiago Gadelha / SVM

Outros dois importantes jogadores, titulares absolutos, são dúvidas para o duelo. O lateral-direito Tinga, que ficou fora da partida de ida por conta de lesão muscular na coxa esquerda, segue em tratamento intensivo, mas dificilmente irá para o jogo.

O meia/ala Lucas Crispim também sentiu problema muscular, na partida contra o Athletico-PR, e virou outra dúvida.

Quero receber conteúdos exclusivos de esporte