Em regime semiaberto, goleiro Bruno anuncia aposentadoria do futebol

Cumprindo regime semiaberto domiciliar desde 2019, Bruno defendeu o Boa Esporte, Poços de Caldas e Rio Branco-AC

Goleiro Bruno segurando uma bola em campo
Legenda: Em 2020, Bruno defendeu o Rio Branco-AC em 18 partidas e marcou um gol
Foto: Divulgação/Instagram

Com passagens recentes por Boa Esporte, Poços de Caldas, Rio Branco-AC e Araguacema, o goleiro Bruno anunciou, em live nas redes sociais, que está aposentando as luvas e que partirá para um novo mundo: os investimentos no mercado financeiro.

"Futebol, para mim, deu. A mídia é meio covarde, mas infelizmente não deu certo. Vida que segue. Não sou frustrado, infelizmente não consegui voltar ao futebol"
Bruno Fernandes
Ex-atleta de futebol

Condenado a 20 anos e 9 meses de prisão por homicídio triplamente qualificado, sequestro e cárcere privado da ex-namorada Eliza Samúdio, em 2010, o ex-goleiro, que cumpre regime semiaberto domiciliar desde 2019, informou que sua mentora no mundo dos investimentos, Ingrid, chegará em Minas Gerais, onde reside Bruno, para auxiliá-lo a ganhar dinheiro investindo no mercado financeiro.

Quase acerto com o Barbalha

Há dois anos, em 2019, o ex-goleiro Bruno acertou as bases salarias com o Barbalha Futebol Clube, mas a proposta foi recusada posteriormente pela própria equipe cearense para atender uma solicitação do prefeito do município, Argemiro Sampaio (PSDB), que repudiou a chegada do jogador.

Quero receber conteúdos exclusivos de esporte

Assuntos Relacionados