Peão brasileiro morre em rodeio nos EUA

Amadeu Campos Silva, de 22 anos, era considerado uma promessa nos circuitos internacionais de rodeio

amadeu costa peão brasileiro
Legenda: Natural de São Paulo, o peão busca o título de campeão mundial em rodeios
Foto: Divulgação/PBR

Morreu, aos 22 anos, o peão brasileiro Amadeu Campos Silva, após um acidente no evento Velocity Tour, em Fresno, na Califórnia (EUA), nesse domingo (29). Ele chegou a ser socorrido a uma unidade de saúde, mas não resistiu aos ferimentos.

Por meio de nota, a Professional Bull Riders (PBR) lamentou a morte do peão.

"É com pesar que informamos o falecimento de Amadeu Campos Silva no Centro Regional Comunitário de Fresno, na Califórnia, onde ele foi transportado após um grave acidente durante montaria na etapa da PBR Velocity Tour". 

Morador de Altair, Interior de São Paulo, Amadeu viajou para os EUA para tentar o título de campeão mundial. Antes disso, ele já havia competido nas etapas brasileiras da PBR em 2017 e 2018.

Em 2019, quando conquistou o vice-campeonato brasileiro, o peão estreou nos EUA no Velocity Tour, em Edimburgo, no Texas, e conseguiu chegar às finais do mundial. Ele tentava repetir o feito neste ano.

O comissionário e CEO da PBR, Sean Gleason, ressaltou que o brasileiro era umas promessas da modalidade mundial.

"Amadeu era uma estrela em ascensão em nosso esporte; um cowboy com tanto potencial dentro e fora da arena. Toda a PRB e este esporte amplia os pensamentos, orações e sinceras condolências à família e amigos de Amadeu", disse.

Quero receber conteúdos exclusivos sobre o mundo

Assuntos Relacionados