Cão farejador auxilia Polícia Civil a localizar tabletes de crack em bagagem de passageira no Crato

O entorpecente estava escondido em meio aos pertences da suspeita, que não possuía antecedentes criminais

cão farejador da polícia civil
Legenda: Animal pertence ao Núcleo de Combate ao Tráfico de Drogas da Polícia Civil do Ceará
Foto: Divulgação/PC

Uma passageira de um ônibus intermunicipal foi presa na noite desse sábado (5) na rodoviária do Crato, na Região do Cariri, com três tabletes de crack. A Polícia Civil capturou Luana Oliveira da Silva, de 29 anos, após um cão farejador detectar os entorpecentes na bagagem da suspeita. 

Conforme a Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), a mulher não tinha antecedentes criminais, é natural de Brasília e vinha de Fortaleza com destino à cidade de Juazeiro do Norte. 

Durante a abordagem policial, Luana ficou apreensiva e chegou a tentar esconder a mala. No entanto, o cão farejador do Núcleo de Combate ao Tráfico de Drogas (NCTD) apontou os ilícitos em meio aos pertences  dela. A droga corresponde a 3,2 kg. 

A suspeita foi detida em flagrante por tráfico de drogas e conduzida à Delegacia Regional de Juazeiro do Norte. 

Ônibus liberado

Os demais passageiros também foram alvos de buscas, mas nada foi encontrado. O ônibus, então, foi liberado para seguir viagem.

As abordagens feitas pela Polícia Civil fazem parte da Operação Narco, que integra ações de prevenção, inteligência e repressão no combate ao comércio de drogas em todo o Ceará. A estratégia, deflagrada no início deste mês, conta com agentes militares, civis e federais.

Quero receber conteúdos exclusivos sobre segurança