SVM lança PontoPoder, plataforma de conteúdo sobre política local

Novo espaço, que pode ser acessado pelo smartphone ou pelo computador, acompanha os bastidores do meio político, buscando informação exclusiva

Legenda: A interface foi pensada para leitura rápida por meio dos smartphones
Foto: Foto: Helene Santos

O Sistema Verdes Mares estreou, ontem, uma nova plataforma de publicação de conteúdo de seu noticiário político. É o PontoPoder, novo produto digital do Núcleo de Vida Pública do SVM. Um novo espaço de discussão da política que interessa aos cearenses.

O objetivo da plataforma é apresentar, com agilidade e dinâmica, informações em primeira mão sobre o mundo político cearense, em formato de notas curtas, com características de "hardnews", pitadas de análise dos fatos, e foco, principalmente, na movimentação dos bastidores do poder.

Os conteúdos da nova plataforma serão produzidos pela equipe de Vida Pública do SVM, com cobertura diária dos trabalhos das principais casas legislativas, incluindo o Congresso Nacional, em Brasília, onde mantemos equipes de reportagem.

Nossos profissionais estarão circulando ainda pelos corredores dos poderes Executivo e Judiciário, além dos principais eventos do Estado.

"A ideia do PontoPoder é oferecer informação estratégica de qualidade no menor tempo possível para o nosso leitor, que poderá acessar o conteúdo principalmente de seu smartphone", diz o jornalista Inácio Aguiar, editor do núcleo de Vida Pública.

A nova plataforma digital vem para agregar ainda mais agilidade à credibilidade já conhecida do jornalismo do Sistema Verdes Mares, reforça o editor. "Num momento em que as redes sociais ganham mais relevância e o noticiário precisa estar integrado aos novos espaços, o PontoPoder surge como uma nova forma de comunicar os fatos políticos", reforçou, ao acrescentar que a proposta é fazer da ferramenta um espaço de publicação de informações dos bastidores do poder de forma dinâmica e contínua, como em uma "timeline".

Estratégia

A diretora digital do Sistema Verdes Mares, Ívila Bessa, reforça o papel do novo produto diante da estratégia digital em curso no Sistema Verdes Mares, de ampliar sua atuação editorial.

"O PontoPoder tem missões claras na nossa estratégia digital. É uma entrega segmentada para agregar valor àqueles que querem mais conteúdos da política local, especialmente de bastidores e dados", disse no dia do lançamento.

A ideia é conhecer e contemplar novos - exigentes - públicos para ampliar as entregas editoriais dos veículos. "Procuraremos saber mais desse público e especializaremos nossas entregas", declarou.

O PontoPoder é uma plataforma que já nasce com interesse em ser referência naquilo que se propõe. De olho no futuro, a plataforma deve ser um diferencial na cobertura de eleições de 2020. "Um produto já de olho nas eleições municipais de 2020, sem dúvida", reforça a diretora digital do SVM.