Concurso do IBGE tem mais vagas disponíveis que candidatos inscritos em três estados; veja quais

Cerca de 60 mil vagas foram disponibilizadas nesses estados, mas pouco mais de 50 mil pessoas se inscreveram.

Dois agentes do IBGE caminhando fardados na rua
Legenda: O IBGE abriu mais de 260 mil vagas para a realização do Censo 2022
Foto: Tânia Rêgo/Agência Brasil

O concurso público para agentes e coordenadores censitários do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) disponibilizou cerca de 60 mil vagas em São Paulo, Paraná e Santa Catarina. Contudo, somente pouco mais de 50 mil pessoas se inscreveram nessas unidades da Federação. As informações são do IG.

Nos três estados, há mais vagas que inscritos para o cargo de recenseador. Já no Mato Grosso, Mato Grosso do Sul e Rio de Janeiro a diferença entre inscritos e vagas está apertada.

Para tentar reverter a baixa adesão, o IBGE tem reforçado a campanha para a inscrição.

O salário para recenseador não teve valor informado. Já para agente censitário municipal e para agente censitário supervisor, os salários são de R$ 2.100 e R$ 1.700, respectivamente. 

Vagas

Em todo o País, o IBGE abriu mais de 260 mil vagas para a realização do Censo 2022, sendo 183 mil para recenseador e 23,8 mil para agentes censitários. Como o número de vagas para este último cargo é menor, consequentemente acaba por ter mais inscritos.

Conforme o IG, até o momento, 667 mil candidatos se inscreveram para o concurso do IBGE, número ainda bastante aquém dos 800 mil estimados pelo instituto.

Inscrições prorrogadas

As inscrições do processo seletivo para o Censo Demográfico 2022 foram prorrogadas pelo IBGE. Agora, os interessados podem se candidatar até as 16h (horário de Brasília) do próximo dia 21 de janeiro.

Inicialmente, o período para participar da seleção era até quarta-feira (29). As inscrições são realizadas através do site da banca organizadora, a Fundação Getúlio Vargas (FGV).  

A taxa de inscrição para o posto de recenseador é de R$ 57,50 e para os outros dois cargos é de R$ 60,50.

Provas e resultado

As provas para agente censitário municipal e agente censitário supervisor serão aplicadas no dia 27 de março. Já os candidatos a recenseador serão selecionados por uma prova objetiva, que acontecerá no mesmo dia, de caráter eliminatório e classificatório. As provas terão duração de 3 horas e 30 minutos.

Os gabaritos preliminares serão divulgados no dia seguinte à aplicação das provas, no site da FGV, mas o resultado está previsto para 6 de maio.

Quero receber conteúdos exclusivos do Papo Carreira