Luva de Pedreiro mostra nova casa ao Fantástico; veja fotos

O influenciador recebeu as chaves da nova residência nesta sexta-feira (1º)

Luva de Pedreiro com semblante sério ao lado de uma trave de futebol
Legenda: Luva de Pedreiro é um fenômeno nas redes sociais, com milhões de seguidores no Instagram
Foto: divulgação / Henrique Arcoverde

O influenciador Iran Ferreira, o Luva de Pedreiro, recebeu as chaves da nova casa nesta sexta-feira (1º). Após conflitos e denúncias contra o ex-empresário Allan Jesus, o jovem se tornou agenciado por uma nova equipe, com participação do ex-jogador Falcão, e deixou a cidade de Quijingue, no interior da Bahia, para morar no Litoral Sul de Pernambuco.

A situação foi revelada pelo Fantástico. “A casa é magnífica”, afirmou Iran. A reportagem será exibida no domingo (3).

Montagem com fotos da casa do Luva de Pedreiro
Legenda: O influenciador Luva de Pedreiro recebeu as chaves da nova casa nesta sexta-feira (1º)
Foto: reprodução / Fantástico

A troca de moradia ocorreu após o jornalista Léo Dias, do Metrópole, divulgar que Iran nunca conseguiu reformar a antiga residência, mantida pelo pai agricultor, apesar do sucesso nas redes sociais, sendo um fenômeno mundial no Instagram (16,9 milhões) e Tik Tok (14,3 milhões).

A fama surgiu quando Iran iniciou a produção de vídeo em um campo de terra mostrando habilidade no futebol. Ao comemorar gols, criou bordões como "Siiii", "Receba" e "Graças a Deus Pai".

Multa milionária com empresário

O conflito entre o influenciador Iran Ferreira, o Luva de Pedreiro, e o empresário Allan Jesus ganhou mais um capítulo polêmico. Após a revelação de que o jovem tinha apenas R$ 7.500 na conta bancária, mesmo sendo um sucesso nas redes sociais, foi divulgado que a ruptura de contrato com o agente dependia de multa milionária, segundo o colunista Léo Dias, do Metrópole.

O valor é próximo de R$ 5,2 milhões junto da ASJ Consultoria. Logo, apesar de não conseguir uma renda proporcional à fama no Instagram (16,9 milhões) e Tik Tok (14,3 milhões), o jovem de 20 anos precisa de uma alta quantia para alterar os gestores responsáveis pela carreira.

Em sua defesa, Allan de Jesus se manifestou sobre o caso pela primeira vez na última quarta-feira (22). Ele disse que seu contrato com Iran Ferreira, o Luva de Pedreiro, vale até 2026. Allan informou ainda que a empresa dele, a ASJ Consultoria, não tinha recebido qualquer comunicado sobre uma tentativa de rescisão.

 

Quero receber conteúdos exclusivos de esporte

Assuntos Relacionados