Libertadores: Fortaleza avalia como proceder diante da proibição de torcida em jogo com o Colo-Colo

Equipes se enfrentam no próximo dia 25

Imagem mostra torcida do Fortaleza na arquibancada
Legenda: Fortaleza estuda situação de proibição de torcedores no jogo contra o Colo-Colo. Time chileno foi punido pela Conmebol.
Foto: Kid Junior/SVM

O Fortaleza estuda como proceder diante da sanção recebida pelo Colo-Colo, que proíbe a entrada de torcedores no jogo da Libertadores. A Conmebol penalizou o time chileno após incidentes na partida contra o River Plate, em jogo da terceira rodada. 

Por meio de assessoria, o Departamento Jurídico do Tricolor informou que avalia a situação e deverá ter alguma solução para o caso nos próximos dias.

Diversos torcedores do Fortaleza são esperados em Santiago para o jogo. Logo após o sorteio que definiu os adversários, agências de turismos comercializaram os pacotes de viagens para o jogo. A partida pode garantir vaga inédita nas oitavas da Libertadores. 

As equipes se enfrentam no dia 25 de maio, no Estádio Monumental de Santiago, às 19h (de Brasília). Leão e Colo-Colo estão em segundo e terceiro no Grupo F. O Tricolor do Pici está a frente pelo saldo de gols. 

ENTENDA

Os Albos foram denunciados pelo River Plate após a delegação ter sido alvejada com morteiros. Além disso, a torcida também foi agredida pelos torcedores locais. As equipes se enfrentaram na terceira rodada da competição.

O Colo-Colo pode recorrer da sanção, anunciada no último dia 17 deste mês, em até sete dias. Além de não ter torcida, a equipe ainda foi multada em 90.500 dólares.

Quero receber conteúdos exclusivos de esporte

Assuntos Relacionados