Análise: Fortaleza se impôs em jogo vital para a permanência

Mais organizado em campo e preciso nos contra-ataques, Fortaleza vence bem o Vasco, na Arena Castelão, e respira na Série A, abrindo quatro pontos para a zona de rebaixamento restando apenas três rodadas para o fim

Legenda: O Tricolor de impôs diante do Vasco e saiu com uma grande vitória do Castelão
Foto: KID JUNIOR

O duelo mais dramático da 35ª rodada da Série A do Campeonato Brasileiro era Fortaleza x Vasco, na Arena Castelão, pela posição de ambos na tabela, em um confronto direto contra o rebaixamento. Tudo levava a crer em duelo de nervos, mas o Tricolor de Aço abriu o placar cedo, foi maduro e preciso na definição, vencendo bem o time carioca por 3 a 0, não deixando dúvidas que a fase mais turbulenta da equipe no Brasileirão ficou para trás.

Ouça o podcast 'FortalezaCast'

A vitória contra o Coritiba já era um sinal da reação tricolor mostrando força em um confronto direto, mas ontem o Leão fez sua melhor partida sob o comando de Enderson Moreira. 

A segunda vitória seguida encaminha a permanência do Leão do Pici na elite, restando apenas três rodadas para o fim do Brasileiro. O Leão se manteve na 15ª colocação, mas agora com 41 pontos, quatro a mais que o próprio Vasco, que abre o Z-4. Além disso, volta a vislumbrar vaga na Copa Sul-Americana.
Na próxima rodada, o Fortaleza encara o Palmeiras, às 18h15, no Allianz Parque, em São Paulo, para depois enfrentar o Bahia em casa e o Fluminense fora.

Legenda: O Fortaleza fez uma partida muito segura e respira na Série A, diferente do Vasco, que foi apático e está cada vez mais ameaçado de rebaixamento
Foto: KID JUNIOR

Ainda que no primeiro lance do jogo o Vasco tenha acertado a trave com Carlinhos, o lance foi o único do time carioca. A partir dali, só deu Fortaleza no jogo, contando com transições rápidas para o ataque, velocidade e vencendo praticamente todos os duelos individuais. Ponto para o técnico Enderson Moreira, que deu chance para os jovens Luiz Henrique e Igor Torres, ganhando mais dinâmica no setor ofensivo. Além deles, David fez uma grande partida, com um gol e uma assistência.

Atropelo
O lance do 1º gol, logo aos sete minutos, ilustra bem o acerto de Enderson. David fez boa jogada e passou para Igor Torres, que dominou e mandou no cantinho de Fernando Miguel. Esse foi o primeiro gol como profissional do atacante da base, de apenas 20 anos.

O Vasco sentiu o gol e o Fortaleza não quase ampliou aos 20 minutos em chute rasteiro de Wellington Paulista. Fernando Miguel defendeu bem.
Com um time muito mais organizado e seguro das ações, o Leão marcou o 2º no fim do 1º tempo, vital para dar tranquilidade. Aos 43 minutos, David recebeu passe preciso de Luiz Henrique, invadiu a área e bateu na saída de Fernando Miguel, em mais um ataque fulminante do Leão.

Se no 1º tempo, o Fortaleza teve menos posse de bola que o Vasco, na etapa final (39% a 61%), no 2º tempo o time valorizou mais a posse dela e “matou” o jogo aos 17 minutos: Osvaldo escapou em velocidade e cruzou rasteiro para Romarinho bater de primeira.
Era a prova de um Fortaleza preciso, com três finalizações certeiras em cinco tentativas. E em grande noite, o Tricolor do Pici não teria dificuldade para segurar a vitória contra o apático Vasco.

Ficha Técnica

Série A do Brasileiro - 35ª rodada
Arena Castelão, em Fortaleza (CE)
10 de fevereiro

Fortaleza 3
Felipe Alves, Gabriel Dias (Tinga), Quintero
(Wanderson), Paulão, Bruno Melo, Felipe,
Juninho (Ronald), Luiz Henrique (Romarinho),
David, Wellington Paulista, Igor Torres (Osvaldo).
Técnico: Enderson Moreira

Vasco 0
Fernando Miguel, Yago Pikachu (Cayo Tenório),
Marcelo Alves, Leandro Castan, Henrique, Bruno Gomes (Andrey), Caio Lopes (Talles Magno),  Juninho (Gabriel Pec), Carlinhos, Benítez Ygor Catatau (Cano). Técnico:V. Luxemburgo

Árbitro: Braulio da Silva Machado (SC). Gols:  David, Igor Torres e Romarinho (Fortaleza).  Cartões amarelos: Gabriel Dias e Juninho (Fortaleza) e Cayo Tenório, Marcelo Alves, Leandro Castan e Carlinhos (Vasco)

 

Quero receber conteúdos exclusivos de esporte