Trajetória da bala que atingiu empresária pode reforçar hipótese de feminicídio, diz médico

Médico que atendeu Jamile de Oliveira Correia afirma que ela chegou consciente ao hospital, mas não falou nada. O caso, a princípio tratado como suicídio, pode ter sido, na verdade, um homicídio