Maioria do STF criminaliza LGBTfobia e vê omissão do Congresso

Seis dos 11 ministros votaram a favor de tratar a discriminação por orientação sexual e identidade de gênero como crime análogo ao racismo