Oficial da Polícia Militar do Ceará morre após ser diagnosticado com Covid-19

O tenente-coronel Océlio Alves tinha 50 anos e estava hospitalizado em Fortaleza há cerca de três semanas

Legenda: O tenente-coronel Océlio Alves era considerado um policial operacional.
Foto: Foto: Arquivo Pessoal

O tenente-coronel da Polícia Militar do Ceará (PMCE) João Océlio Atanazio Alves, de 50 anos, morreu nesta quarta-feira (8). De acordo com a PMCE, Alves tinha sido diagnosticado com a Covid-19 há poucos dias e estava hospitalizado em Fortaleza, interior do Ceará. De acordo com pessoas próximas ao oficial, ele tinha hipertensão e, nos últimos dias, já respirava com auxílio de aparelhos.

Atualmente, Océlio Alves estava no comando do 3º Batalhão Policial Militar. Em nota de pesar, a PMCE afirmou que o “Comando da Corporação se entristece com a notícia e solidariza com a dor dos familiares e amigos, ao tempo em que coloca o aparato da Instituição à disposição”.

O comandante-geral da PMCE, coronel Alexandre Ávila, afirmou que a Corporação está de luto. O oficial ingressou na PMCE em março de 1991. Ao longo da carreira, ele já esteve à frente do Batalhâo de Policiamento Turístico (BPTur) e do 12º Batalhão, em Caucaia. 

[Atualização às 19:30, de 08/04/20] O Sistema Verdes Mares noticiou anteriormente que o policial militar estaria internado na cidade de Sobral. A informação correta é que ele estava hospitalizado em Fortaleza.

Outros militares
No fim do mês passado, o Comando Geral da PM informou que está acompanhando casos de policiais militares que estão de licença médica por apresentar problemas ligados à síndromes respiratórias e, consequentemente, precisarem se manter em isolamento, sob a suspeita de terem sido infectados pelo novo coronavírus. No entanto, não foi informado quantos servidores da Corporação foram afastados por estas condições.