Vereador de Fortaleza quer bicicletas adaptadas para pessoas com deficiência 

Segundo o parlamentar, o projeto vem para garantir a todas as pessoas com deficiência acessibilidade nos equipamentos públicos da cidade

Legenda: Algumas cidades do Brasil, como João Pessoa, Salvador, Recife, São Paulo e Rio de Janeiro já desenvolvem programas voltados à mobilidade, acessibilidade e inclusão social. 
Foto: FOTO: Secom?JP

O vereador Sargento Reginauro (sem partido), apresentou projeto que sugere que haja uma porcentagem mínima de bicicletas do Projeto Bicicletar adaptadas para pessoas com mobilidade reduzida. A proposta do parlamentar sugere alteração na Lei Municipal que instituiu a política de transporte cicloviário de Fortaleza.  

O projeto de Indicação  defende que sejam assegurados, nos sistemas de compartilhamento, um percentual mínimo de 10% de bicicletas adaptadas para pessoas com deficiência e mobilidade reduzida, disponíveis em cada estaçaõ do sistema de bicileta compartilhada. 

Segundo o parlamentar, o projeto vem para garantir a todas as pessoas com deficiência acessibilidade nos equipamentos públicos da cidade. “Acreditamos que todos, sem exceção, precisam ser privilegiados com os programas que a prefeitura de Fortaleza dispõe. Atualmente temos mais de 2 milhões de pessoas com algum tipo de deficiência, e não existe nenhuma bicicleta que possa envolver esses cidadãos em momentos de lazer e vida saudável”. 

De acordo com o último censo demográfico do IBGE de 2010, cerca de 45 milhões de brasileiros possuem algum tipo de deficiência, ou seja, 23,9% da população do país precisa desta opção de lazer. Algumas cidades do Brasil, como João Pessoa, Salvador, Recife, São Paulo e Rio de Janeiro já desenvolvem programas voltados à mobilidade, acessibilidade e inclusão social. 

 A ideia do vereador já foi repassada aos líderes do governo na Câmara de Fortaleza. De acordo com a proposta, as bicicletas poderão ser adaptadas, facilitando o transporte de pessoas com deficiência visual, síndrome de Down, Transtorno do Espectro Autista (TEA), mobilidade reduzida e idosos. 
 


Assuntos Relacionados