Presidente do STF passa por cirurgia e apresenta sinais de contaminação pelo coronavírus

Dias Toffoli foi internado no sábado (23) para se submeter a uma cirurgia para drenar um abscesso

Legenda: Dias Toffoli fez, na quarta-feira (20), um teste para detectar a presença do coronavírus, mas o resultado foi negativo.
Foto: Nelson Jr./STF

O presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Dias Toffoli, foi internado no sábado (23) para se submeter a uma cirurgia para drenar um abscesso. Ao ser internado, ele apresentou sinais de que estaria contaminado pelo novo coronavírus.

Toffoli está sendo monitorado, mas passa bem e respira sem ajuda de aprelhos, segundo nota do secretário de saúde do Supremo. Ele ficará de licença médica por pelo menos sete dias, mas o prazo poderá ser prorrogado.

Durante a licença, o ministro Luiz Fux assumirá a presidência do STF.

Dias Toffoli fez, na quarta-feira (20), um teste para detectar a presença do coronavírus, mas o resultado foi negativo.