Secretário de Estado britânico é suspenso após agredir militante do Greenpeace; veja vídeo

A primeira-ministra Theresa May "viu as imagens e as considerou preocupantes"

Legenda: O episódio envolve o secretário de Estado britânico das Relações Exteriores
Foto: Foto: UK POOL/AFP

O secretário de Estado britânico das Relações Exteriores para a Ásia, Mark Field, foi suspenso de suas funções nesta sexta-feira (21) após a divulgação de um vídeo que mostra o momento em que ele agarrou com força pela nuca uma militante do Greenpeace durante uma ação da organização ecologista.

A primeira-ministra Theresa May "viu as imagens e as considerou preocupantes", declarou sua porta-voz. "Mark Field será suspenso de suas funções de secretário de Estado durante o período da investigação", completou.

O incidente aconteceu na quinta-feira (20) à noite durante um jantar de gala que reuniu a elite financeira de Londres - alguns integrantes do Greenpeace conseguiram entrar no evento. Uma ativista, com vestido vermelho e uma faixa com a frase "Emergência Climática", circulava entre as mesas quando Mark Field, um deputado conservador, se levantou bruscamente e a empurrou contra uma pilastra, antes de agarrar a mulher pela nuca e forçá-la a abandonar o local.

"É chocante a imagem de um deputado e secretário de Estado agredindo um de nossos manifestantes pacíficos", afirmou o Greenpeace em um comunicado. O incidente figurava nesta sexta-feira entre os temas mais debatidos nas redes sociais no Reino Unido. 

Mark Field pediu desculpas "sem reservas" e alegou que "na confusão muitos convidados se sentiram ameaçados e quando uma manifestante se aproximou, reagi por instinto". "Não havia segurança e tive medo, durante uma fração de segundo, de que poderia estar armada. Por isto agarrei a intrusa com firmeza para forçá-la a sair da sala o mais rapidamente possível", completou.

Veja vídeo: