Marcelo Paz confirma retorno de Crispim ao elenco e frisa: "no clube sempre foi um atleta exemplar"

O pronunciamento aconteceu nesta terça-feira (21) no Pici, em Fortaleza (CE)

Legenda: Presidente do Fortaleza, Marcelo Paz realizou pronunciamento para falar da fase tricolor
Foto: Karim Georges / Fortaleza EC

O presidente Marcelo Paz, do Fortaleza, confirmou a reintegração do ala-esquerda Lucas Crispim ao elenco. O Diário do Nordeste havia antecipado à informação nesta terça-feira (21).

De acordo com Marcelo Paz, Crispim reconheceu o erro, mas foi enfático ao pontuar que o atleta nunca deu problema à comissão técnica dentro do Pici, ressaltando a postura exemplar enquanto atleta de futebol no dia a dia do clube.

“Quero dizer o seguinte: convivo com o Crispim desde fevereiro de 2021 e aqui no clube ele sempre foi um atleta exemplar. Nunca faltou treino, nunca ficou de “biquinho” por não ser titular, passou por troca de treinador. Nunca foi um problema dentro do Pici, nunca teve indisciplina, nem problema com qualquer atleta. Algumas situações extracampo, em específico, causou entre os torcedores e nós que vivemos o dia a dia, um certo descontentamento e houve a situação de sexta-feira, de todo o contexto. Não podemos separar o contexto, ele existe”, iniciou o dirigente.

Acompanhe nossas redes sociais: Twitter e YouTube

“Criou-se uma narrativa de que o “Crispim foi afastado por comemorar a festa de aniversário dele”. Não, existe um contexto, principalmente pela fase em que o clube vivia no momento, de um protesto com agressão a um atleta do elenco, da nossa situação na tabela. Um atleta que vive do público, ele precisa estar em sintonia. O público faz parte do processo. Tem a hora de festejar e de ficar mais na sua, isso vale até para o dirigente, para todos nós que fazemos o clube.”, completou.

Lucas Crispim retornou às atividades no Fortaleza e virou opção para o Clássico-Rei. Conforme Marcelo Paz, a decisão de escalá-lo para enfrentar o Ceará nesta quarta-feira (22), pela Copa do Brasil, cabe ao técnico argentino Juan Pablo Vojvoda.

O perdão ao ala-esquerda teve participação da diretoria, do elenco e da comissão técnica do Fortaleza Esporte Clube.

“Ontem, ele veio ao clube, veio conversar conosco, reconheceu abertamente que tinha se excedido, que não deveria ter feito e pediu desculpas à diretoria, ao elenco, conversou com os atletas, que o acolheu e o abraçou, e falaram com a diretoria e com a comissão técnica. Todos estamos sujeitos a erros e perdão foi feito para ser dado. E ele teve a humildade de vir conversar, de vir pedir perdão à diretoria, à comissão e nós entendemos que ele deve ser reintegrado ao grupo do Fortaleza", finalizou Marcelo Paz.

Quero receber conteúdos exclusivos de esporte