Chamusca lamenta empate do Fortaleza com Goiás: "tinha tudo para ganhar"

Técnico reclamou da performance no primeiro tempo na Arena Castelão nesta quinta-feira (26)

Legenda: Chamusca cobrou melhor rendimento do Fortaleza na sequência da temporada
Foto: reprodução / TV Leão

O Fortaleza saiu atrás no placar e foi buscar o empate em 1 a 1 com o Goiás nesta quinta-feira (26). Apesar do poder de reação na Arena Castelão, o técnico Marcelo Chamusca lamentou bastante o placar contra o lanterna da Série A.

"Acho que o 1º tempo interferiu no resultado, demoramos a entrar e até cobrei deles maior rotação. No 2º tempo amassamos o adversário e criamos oportunidades claras, infelizmente leva um empate em um jogo que tinha tudo para ganhar. Sentimento de tristeza pelo resultado, importante para pensar no futuro, para criar alternância maior para enfrentar o adversário com esse tipo de comportamento", explicou.

Ouça o podcast 'FortalezaCast'

Powered by RedCircle

Com o resultado, o time fica provisoriamente em 9º com 29 pontos - a 23ª rodada está em andamento. Chamusca sentiu falta do torcedor, sem autorização para acompanhar as partidas devido protocolo contra disseminação da Covid-19. 

"Quando a torcida está no estádio tem a dificuldade (de comunicação), mas sem dúvida eu trocaria a falta de comunicação porque treina, faz palestra, não tem necessidade de falar o tempo todo. Eles sabem (o que fazer). O que faz falta é a presença do torcedor. Nós teríamos sequência em casa, hoje teria Castelão lotado, 30 ou 40 mil iriam empurrar para o resultado", declarou.

O próximo compromisso é contra o Corinthians. O confronto ocorre na próxima quarta (2), às 21h30, em casa.

Confira coletiva

Leia mais