Cearenses mantêm boas performances o 2º dia do Rally RN1500

Destaque continua sendo na categoria UTV, com George Ximenes e Riamburgo Ximenes

Legenda: Cearenses seguem bem na disputa do RN1500
Foto: Doni Castilho

Um grande rally nunca é uma prova de um dia só. E cada dia tem um peso decisivo rumo ao resultado final. O RN1500 é rally de quatro dias, com cada um deles pontuando separadamente para o Campeonato Brasileiro. Mas vence a prova quem obtiver o menor tempo geral acumulado. Ou seja, a cada dia/etapa vence quem faz o menor tempo no trecho cronometrado e, na medida que as etapas vão acontecendo, esses tempos vão sendo somados.

No 2º dia, Riamburgo Ximenes, atual campeão da prova, para seguir competitivo, precisava entrar na pista ontem para recuperar posições e se manter na briga pelo bicampeonato nos UTV’s. Ele fez bem a tarefa de casa e fechou o terceiro melhor tempo do dia, com 2h29min35seg, que o levou a assumir a liderança da sua categoria, a Over40, e a voltar para a briga pelo título pontuando em 6º lugar na geral acumulada.

"Depois dos dois pneus furados no 1º dia precisava andar muito forte e limpo. A pista estava rápida, perfeita e perigosa. No piso, terra batida e cascalho em uma espiral sinuosa, por vezes com mais pedras, as vezes abrindo um pouco mais e nos levando a trechos com abismos no meio de um sertãozão forte e inclemente. Foram 206 km de pé embaixo", comentou Riamburgo.

A vitória do dia nos UTV’s foi de Bruno Varela/ Gustavo Bortolanza com 2h24min47seg. Mesmo assim, a dupla ficou 14 segundos atrás do líder na geral, Deni Nascimento/ Idali Bossi. George Ximenes/ Wellington Rezende tiveram problemas com a navegação e um pneu furado, que os levou a pontuar em 10º no dia e agora ocupam a 5ª posição na geral acumulada, com Riamburgo Ximenes/ Flávio França em 6º apenas 56seg atrás.

"A concentração tem que ser total e qualquer coisa, seja um segundo de distração ou pneu furado, repercute no tempo. Hoje aceleramos para pontuar nas cabeças, mas perdemos tempo e agora é voltar para a pista amanhã e recuperar posições. Ainda temos muito chão pela frente. Neste sábado mais 199km, domingo mais 219km. O RN1500 é sempre muito competitivo até sua bandeirada final", explica George.

Dentre os cearenses, outra dupla que merece destaque é Leonardo Beleza/ Aníbal Feijó, com o 7º melhor tempo na especial de hoje, que os colocou em 7º lugar no acumulado geral. Desta forma, os cearense ocupam as 5ª, 6ª e 7ª posições na pontuação geral da prova.

Nas motos, a vitória do dia foi do francês Adrien Metge, com 2h22min44seg. Mesmo assim, somados os tempos das duas primeiras etapas, o brasileiro Tunico Maciel mantém-se na liderança com 1min08seg de vantagem. Tunico é o atual campeão nacional de rally cross country e bicampeão do Sertões.

Único cearense nas motos, André Bezerra fez o 13º tempo do dia com 2h47min36seg, que lhe colocaram em 12º na geral acumulada.

Nos carros, a vitória do dia foi de José Hélio/ Weidner Moreira, com 2h30min27seg, com Marcos Moraes/ Fabio Pedroso em 2º.  Porém, no acumulado geral, Carlos Ambrosio/Cadu Sachs seguem firmes na liderança.

Quero receber conteúdos exclusivos de esporte

Assuntos Relacionados