Alinhados, Ceará e Fortaleza trabalham para jogos retornarem na primeira quinzena de julho

Os clubes colaboram, em conjunto, para a criação do protocolo de jogos

CLassico
Legenda: Ceará e Fortaleza são os representantes cearenses na Série A do Campeonato Brasileiro
Foto: Thiago Gadelha

Treinando há três semanas, Ceará e Fortaleza visualizam a possibilidade de a bola voltar a rolar no Estado na primeira quinzena de julho. No começo deste mês, o Diário do Nordeste já havia antecipado em primeira mão a possibilidade, que ganha ainda mais força nos bastidores.

Há um alinhamento no pensamento das diretorias dos dois clubes, que entendem ser este o melhor caminho, dentro de todas as medidas de segurança, obviamente.

A intenção ganha força também com o movimento de outros clubes menores do Campeonato Cearense, que já se organizam para retomar as atividades, seguindo protocolos de saúde.

O Atlético-CE, por exemplo, voltará aos treinos na próxima segunda-feira (22), e já iniciou as operações para isto. A ação do Ceará de doar testes aos clubes menores também dá maior agilidade para que isso ocorra.

A previsão é de que os jogos possam voltar a acontecer na terceira fase do plano de retomada da economia do Governo do Estado, entre os dias 6 e 12 de julho.

Para que a bola volte a rolar, entretanto, é preciso que haja conclusão na elaboração do protocolo de volta aos jogos, documento que já está em produção e deve ser finalizado nos próximos dias.

Após a liberação aos treinos, esta é a segunda etapa do plano de retomada do futebol cearense. A versão final do documento está prevista para ser apresentada à equipe de trabalho do Governo do Estado nos próximos dias.

Quando for avaliado e aprovado pela Secretaria da Saúde (Sesa), o protocolo será divulgado pela Federação Cearense de Futebol.

COPA DO NORDESTE
Quando o protocolo de jogos for finalizado, analisado e aprovado pelo Governo do Estado, deverá também ser encaminhado à Confederação Brasileira de Futebol (CBF). Este é um fator que pode credenciar o Estado do Ceará a ser escolhido como sede única para receber os jogos restantes da Copa do Nordeste. 

Os clubes participantes da competição já definiram que todas as partidas do torneio serão em um único local, e a escolha agora cabe à CBF.

Você tem interesse em receber mais conteúdo de esporte?