Câmara dos Deputados aprova 'versão light' de projeto que afrouxa lei eleitoral

Ainda assim, permaneceram pontos que afrouxam as regras e o controle sobre o uso das verbas públicas pelos partidos, como a liberação para pagamento de multas eleitorais, compra de sedes partidárias e passagens aéreas até para não filiados; além de permitir que políticos ficha-suja sejam eleitos, já que seus casos poderão ser analisados até a data da posse