Vazamento abre buraco e fecha vias do Maracanã a 12 dias das Olimpíadas

Tubulação começou a ser reparada por volta das 19h da noite de sábado. Às 17h deste domingo (24), os trabalhos ainda não haviam sido concluídos

O vazamento de uma tubulação de água abriu uma cratera em frente ao estádio do Maracanã, palco da cerimônia de abertura das Olimpíadas, a 12 dias do início dos jogos no Rio.

A Cedae, empresa de água e esgoto do Rio, identificou um vazamento na avenida Radial Oeste, sentido centro da cidade, que passa em frente ao estádio, na noite deste sábado (23).

Um grande buraco teve que ser aberto para o reparo, causando o fechamento de três das quatro pistas da avenida.

A tubulação começou a ser reparada por volta das 19h da noite de sábado. Às 17h deste domingo (24), os trabalhos ainda não haviam sido concluídos.

O buraco foi fechado às 16h, mas uma hora mais tarde ainda havia máquinas e operários nas pistas, que permaneciam fechadas.

O trânsito era intenso no local no final da tarde. Segundo o jornal "Extra", o vazamento foi identificado após uma parte da pista ceder. A Cedae não confirmou a informação.

Em abril passado, uma tubulação estourou no mesmo local. A via ficou alagada nos dois sentidos e o tráfego, totalmente bloqueado.

O Centro de Operações da Prefeitura do Rio, que monitora o trânsito na cidade, emitiu um alerta de obras no local às 18h55 deste sábado. O trânsito de uma das pistas opostas foi invertido.

Quero receber conteúdos exclusivos sobre o Brasil