Ministério da Saúde promete R$ 206 mi para municípios que cumprirem meta de vacinação contra sarampo

A campanha se inicia na próxima segunda-feira (7) e vai priorizar crianças de 6 meses a menores de 5 anos.

Legenda: No Ceará, a vacina estará disponível em todos os postos de saúde dos 184 municípios
Foto: Foto: JL Rosa

Como forma de incentivar a vacinação de crianças, o Ministério da Saúde vai repassar um recurso adicional aos municípios para que se organizem em campanhas. Será concedido R$ 1 por pessoa, considerando a base populacional já utilizada a outros repasses financeiros na Atenção Primária à Saúde. Para o aporte financeiro, o órgão disponibilizou R$ 206 milhões, a ser dividido entre os municípios que cumprirem a meta.

A Campanha Nacional de Vacinação contra o sarampo começa nesta segunda-feira (7) em todo o país. Na primeira fase, devem ser imunizadas crianças de 6 meses a menores de 5 anos. A segunda etapa abrange jovens de 20 a 29 anos e acontece em novembro, no período de 18 a 30. A meta desta campanha é vacinar, no mínimo, 95% das crianças ainda não vacinadas.

"O repasse será proporcional ao alcance. Se cumprir entre 90% e 95% de cobertura receberá 50% do recurso; no caso de 100% será o valor total", o ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta. 

“É interessante que os pais vejam se a criança já têm duas doses, já que são duas recomendadas para crianças acima de um ano. E os bebês agora que estão completando seis meses já podem fazer a dose zero e depois fazerem as outras duas doses, que estão previstas no calendário de vacinação”, lembra Ana Rita, Coordenadora de Imunizações do Ceará.

De acordo com o Ministério da Saúde, a prioridade em vacinar crianças menores de cinco anos já na primeira etapa se deve à elevada incidência da doença nessa faixa etária, levando-se em consideração os surtos registrados em 2019.

Crianças menores de cinco anos apresentam risco maior de desenvolver complicações, como cegueira, encefalite, diarreia grave, infecções no ouvido, pneumonias e óbitos causado pelo sarampo.

No Ceará, a vacina estará disponível em todos os postos de saúde dos 184 municípios. Até 21 de setembro deste ano, foram notificados 152 casos da doença no estado. Destes, 111 descartados, cinco confirmados e 36 em investigação. 19 estados brasileiros encontram-se com surtos ativos de sarampo. Foram confirmados quatro óbitos no país, sendo três no estado de São Paulo e um em Pernambuco.

 

Quero receber conteúdos exclusivos sobre o Brasil