Variante delta causa mais sintomas em crianças, mas forma grave da doença é pouco observada, diz estudo

Conforme estudo prelikminar do King's College London, metade das crianças acompanhadas ficou doente apenas por até cinco dias

covid em crianças
Legenda: Os pesquisadores verificaram que as crianças e adolescentes que adquiriram a delta apresentaram um número maior de sintomas, especialmente dor de cabeça e febre.
Foto: José Leomar

Crianças e adolescentes infectados com a variante delta da Covid-19 sentem mais sintomas que adultos, mas não chegam a desenvolver a forma grave da doença. É o que aponta estudo de grupo do King's College London. As informações são do G1.

A pesquisa foi realizada a partir da comparação entre dois grupos de pacientes, sendo 694 infectadas pela variante alfa entre dezembro de 2020 e maio de 2021 e 706 infectados pela delta entre maio e julho deste ano.

Os pesquisadores verificaram que as crianças e adolescentes que adquiriram a delta apresentaram um número maior de sintomas, especialmente dor de cabeça e febre.

No caso dos pacientes com idade entre 5 e 11 anos, o relato de dor na região dos olhos também foi mais frequente que entre os adolescentes e adultos.

Confira os sintomas predominantes que a delta causa em crianças e adolescentes:

  • Dor de cabeça
  • Fadiga
  • Febre
  • Perda do olfato
  • Espirros
  • Corrimento nasal
  • Dor de garganta

Apesar dos maiores sintomas, poucas crianças precisaram de hospitalização em ambos os grupos. Além disso, metade das crianças ficou doente apenas por até cinco dias.

O estudo é preliminar e ainda aguarda publicação em revista científica.

Quero receber conteúdos exclusivos sobre o mundo