OMS aprova uso emergencial da vacina Moderna contra a Covid-19

Imunizante, assim, poderá fazer parte das entregas do consórcio Covax Facility

Caixa da vacina da Moderna, que recebeu a autorização da OMS
Legenda: A OMS informou que a autorização ocorreu somente após já ter sido avaliada a qualidade
Foto: Giullaume Souvant / AFP

A Organização Mundial de Saúde (OMS) deu aval para o uso emergencial da vacina da Moderna contra a Covid-19. Com isso o imunizante, já utilizado nos Estados Unidos, poderá fazer parte das entregas do consórcio Covax Facility. O comunicado foi divulgado nesta sexta-feira (30). 

Segundo a OMS, autorização foi concedida após já ter sido avaliada a qualidade, a segurança e a eficácia das vacinas, o que permite aos países uma aprovação regulatória mais rápida. Com isso, será possível importá-las e administrá-las.

As outras quatro vacinas que a OMS já colocou em sua lista para uso emergencial são:

  • Pfizer/BioNTech
  • Astrazeneca-SK Bio; do Instituto Serum, da Índia;
  • Janssen (braço farmacêutico da Johnson & Johnson)