Foragido do Rio Grande do Norte suspeito de matar servidor público é preso no Meireles, em Fortaleza

A vítima trabalhava na Universidade Estadual do Rio Grande do Norte (Uern). Durante a ofensiva, o capturado se passou pelo irmão

Polícia Civil
Legenda: Ele foi colocado à disposição da Justiça. O 2º DP apura se o investigado participou de outros crimes no Ceará
Foto: Divulgação/SSPDS

Um foragido da Justiça do Rio Grande do Norte suspeito de matar um servidor público foi preso na quarta-feira (1º), no Meireles, em Fortaleza. Anderson Rocha de Oliveira,  de 30 anos, foi capturado enquanto transitava em um automóvel por uma rua do bairro.

De acordo com a Secretaria da Segurança Pública, 

Com ele, foram encontrados maconha e cocaína. Durante a realização do flagrante no 2º Distrito Policial (DP), no bairro Aldeota, o homem apresentou os dados do irmão.

Em continuidade às investigações acerca da conduta criminosa, e após troca de informações entre a Polícia Civil e a Coordenadoria de Inteligência (Coin). , ele foi identificado como 

Antecedentes criminais

Em desfavor dele, constavam dois mandados de prisão preventiva em aberto pela Justiça do Rio Grande do Norte por latrocínio e roubo.

Conforme as apurações, Anderson é suspeito de ter participado de um roubo seguido de morte ocorrido em junho de 2017, que vitimou um servidor público da Universidade Estadual do Rio Grande do Norte (Uern).

Agora, ele foi colocado à disposição da Justiça. O 2º DP apura se o investigado participou de outros crimes no Ceará.

Quero receber conteúdos exclusivos sobre segurança