Família denuncia estupro coletivo de criança e adolescente por quatro homens no interior do Ceará

Meninas brincavam em um açude da região quando foram abordadas. Polícia investiga o caso

Uma criança de 9 anos e uma adolescente de 12 anos foram estupradas por quatro homens em Mombaça, no Sertão Central do Estado do Ceará, segundo a família denunciou à Polícia. O crime teria acontecido em um açude do distrito de Morada Nova, na última segunda-feira (26), quando elas brincavam no local, de acordo com uma parente das vítimas. 

A familiar relatou ao Diário do Nordeste que o grupo embebedou as meninas antes do abuso sexual. Elas foram deixadas em uma vila próxima ao local e levadas a um hospital de Tauá, município próximo.

De acordo com ela, a criança e a adolescente estavam sangrando e desorientadas. Um Boletim de Ocorrência (B.O) também foi registrado na delegacia de Mombaça na última terça-feira (27). Os homens foram identificados pela menina mais velha, depois de ela ter acordado na unidade de saúde.

A Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS)  informou que a Polícia Civil, por meio da Delegacia Municipal de Mombaça, está com investigação em andamento visando elucidar o crime.

Família pede suporte 

Também segundo a familiar, o caso não está recebendo a devida atenção. A denunciante está fora do Estado e impossibilitada de ajudar a família, que têm pouca instrução e não sabe como proceder.

"As meninas não receberam nenhum atendimento psicológico, pois não têm condições. A minha família é muito pobre, e as pessoas não estão dando a mínima [atenção] para o caso. Eles não sabem como resolver isso na Justiça", conta.

O relato dá conta ainda que a menina mais nova, que ficou acordada durante o estupro, foi orientada a ficar calada e "não contar para ninguém".

Denúncias

A população pode contribuir repassando informações à Polícia que possam auxiliar os trabalhos investigativos. As denúncias podem ser feitas para o número 181, o Disque-Denúncia da SSPDS, ou ainda pelo telefone (88) 3583-3435, da Delegacia Municipal de Mombaça. O sigilo e o anonimato são garantidos.

Quero receber conteúdos exclusivos sobre segurança