Paulo Cesar Norões: Cearenses garantem espaço nas comissões

Escrito por Redação,

Política

O Ceará estará representado com dois membros na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) do Senado, Tasso Jereissati (PSDB) e Cid Gomes (PDT). O preenchimento das vagas aconteceu ontem. Tasso vai compor, também como titular, a Comissão de Assuntos Econômicos (CAE), a mesma que ele presidiu na legislatura passada. Cid será suplente. A CCJ e a CAE são as principais comissões do Senado. Já Luís Eduardo Girão (Pode) será titular nas comissões de Educação; Senado do Futuro; Transparência, Governança, Fiscalização e Controle e Defesa do Consumidor; e de Direitos Humanos; além de suplente na CAE. Girão será ainda o líder do bloco partidário formado pelo Podemos, PSDB e PSL, com 20 senadores - o mesmo número do bloco Unidos Pelo Brasil, formado pelo MDB, PP e PRB. Os dois blocos, juntos, têm praticamente a metade do Senado. Na próxima semana o presidente Davi Alcolumbre deve anunciar a formação do grupo que vai acompanhar a Reforma da Previdência. Alcolumbre já sinalizou a intenção de indicar para o comando do grupo o senador Tasso, um dos principais articuladores da sua eleição para a presidência da Casa.

In memoriam

Terça passada a Assembleia Legislativa homenageou com um minuto de silêncio Ricardo Boechat e esqueceu que no mesmo dia morrera um profissional da imprensa cearense igualmente probo e respeitado: Aderson Maia Nogueira. Ontem, porém, a Casa se redimiu através do deputado Sergio Aguiar, que citou, inclusive, que Dedeco era irmão do ex-deputado estadual Airton Maia Nogueira, além de ter sido um dos fundadores e presidente do Sindicato dos Radialistas do Ceará e ter comandado, ainda, a APCDEC e a Abrace. Antes tarde do que nunca.

Facilitar é preciso

É do deputado Renato Roseno (PSOL), projeto de lei que autoriza, em âmbito estadual, a assinatura eletrônica certificada em projetos de iniciativa popular. Objetivo é simplificar a mobilização da população. Segundo Roseno, só quatro projetos de iniciativa popular submetidos à Câmara federal viraram leis por conta da dificuldade da coleta tradicional - a Câmara sempre alegou não ter estrutura para conferir a autenticidade das assinaturas apresentadas. A Constituição Estadual prevê a possibilidade da apresentação de projetos de iniciativa popular. Por que não através de assinaturas eletrônica? "O importante é garantir que o cidadão tenha garantido o seu direito de, através, de uma certificação digital segura, ele possa assinar uma proposta de lei", defende Roseno.

Campos do Ceará

Deputada estadual Aderlânia Noronha (SD) quer a inclusão dos municípios de Parambu, Quiterianópolis, Arneiroz, Independência, bem como de Pedra Branca e Quixeré, no Programa Campos do Ceará, que investe em campos de futebol de várzea no intuito de combater a violência através de práticas solidárias, influindo diretamente na minimização dos problemas ligados à juventude.

Convite

Presidente da Faec Flávio Saboya aproveita a visita da ministra da Agricultura Tereza Cristina, hoje, ao Ceará, para convidá-la a participar como palestrante magna da abertura do XXIII Seminário Nordestino de Pecuária - Pecnordeste, em junho, no Centro de Eventos.