Vídeo de 2009 resgata primeira entrevista de Rebeca Andrade em treino com Daiane dos Santos

Na época com 10 anos, a ginasta treinou com a ídolo em ginásio de Guarulhos, em São Paulo

Rebeca Andrade durante entrevista para programa de TV
Legenda: A ginasta Rebeca Andrade treinou com Daiane dos Santos em 2009
Foto: reprodução

A primeira entrevista da ginasta Rebeca Andrade, em 2009, viralizou nas redes sociais nesta quinta-feira (29) após a conquista da medalha de prata na final do individual geral feminino nas Olimpíadas de Tóquio. Na época com apenas 10 anos, a atleta era uma iniciante e treinava em São Paulo.

A reportagem, disponível nos arquivos do PMG, apresentou o dia em que Daiane dos Santos e Laís Souza, então esperanças de medalha na ginástica, realizaram atividades no ginásio Bonifácio Cardoso. O local era o mesmo da atuação de Rebeca, que falou com a reportagem em Guarulhos.

“As vezes eu não estava conseguindo fazer alguma coisa, e elas estavam me ensinando”, confessou.

Uma das principais ginastas da história brasileira, Daiane declarou na matéria que era bom acompanhar o trabalho das crianças. "Pra gente também é bom porque podemos ver um pouco mais do trabalho das pequenas que estão evoluindo agora”, comentou.

Após 12 anos, os caminhos das duas se cruzaram, mas em cenários diferentes. Apontada como uma das ídolas de Rebeca, a agora comentarista se emocionou com o feito da paulista de 22 anos durante transmissão ao vivo da Rede Globo 

"Foi criada por uma mãe solo, como a dona Rosa. O pai da Rebeca é vivo, mas não é presente na vida dela. Aguentou tudo, todas as lesões. E tá aí hoje, para ser a segunda melhor atleta do mundo, uma brasileira", declarou ao lado do narrador Galvão Bueno.

Chance de medalha

A ginasta Rebeca Andrade, primeira medalhista da história do Brasil na modalidade, tem mais duas finais para disputar nos Jogos Olímpicos de Tóquio. Além do individual feminino, a atleta está na decisão do salto e do solo.

Os medalhistas da prova do salto serão conhecidos no próximo domingo (1º), às 5h (de Brasília), enquanto a decisão do solo será na segunda (2), às 5h (de Brasília). A brasileira é uma das favoritas nas duas categorias.

Quero receber conteúdos exclusivos de esporte