Pelé é internado em São Paulo para tratamento contra tumor no cólon

O ex-jogador está hospitalizado desde a terça-feira para fazer exames, mas tem quadro de saúde estável

estado de saúde pelé
Legenda: Rei do Futebol já deve receber alta nos próximos dias, diz assessoria
Foto: Netflix/AFP

O Hospital Albert Einstein, em São Paulo, divulgou nesta quarta-feira (8) que Pelé está internado para dar sequência ao tratamento contra um tumor no cólon, uma parte do intestino. O Rei do Futebol deu entrada nessa terça para realizar exames, e permanece no local. A previsão é de que ele receba alta nos próximos dias.



De acordo com o boletim médico, Pelé está bem, em situação estável, e lida com uma série de procedimentos esperados para o tratamento. A ideia é passar um tempo no Guarujá, no litoral de São Paulo, onde reside, sem precisar ser submetido a novos exames.

"Edson Arantes do Nascimento encontra-se internado no Hospital Israelita Albert Einstein para dar sequência ao tratamento do tumor de cólon, identificado em setembro deste ano. O paciente está estável, e a previsão é que receba alta nos próximos dias", informou o comunicado oficial. A nota é assinada pelos doutores Fabio Nasri, Alberto Goldenberg, Rene Gansl e Miguel Cendoroglo Neto.

Internação

No fim de setembro, Pelé teve alta da mesma unidade, após passar um mês internado devido a uma cirurgia para a remoção de um tumor no cólon direito, realizada no início daquele mês. Durante o período da internação, ele também usou as redes sociais para agradecer às mensagens de carinho.

Duas semanas depois de sua alta hospitalar, já em casa, Pelé usou a rede social de uma de suas filhas para avisar aos fãs que estava bem.

"Invadi a rede da minha filha para deixar uma mensagem maravilhosa. Graças a Deus estou bem, estou melhor. Estou disposto talvez até para jogar domingo que vem, mas graças a Deus, agora falando mais sério: obrigado por tudo, obrigado por todos aqueles que mandam abraço, força. Também, se Deus quiser, logo logo estarei com vocês. Boa sorte a todos e obrigado", disse em 14 de outubro.

Quero receber conteúdos exclusivos de esporte