Fortaleza perde para o Fluminense e segue na lanterna do Brasileirão

Derrotado, Leão do Pici segue na lanterna da Série A

Juninho Capixaba em lance de Fortaleza x Fluminense
Legenda: Juninho Capixaba foi titular no Fortaleza
Foto: Thiago Gadelha/SVM

A má fase do Fortaleza no Campeonato Brasileiro continua. Na tarde deste domingo (22), o Leão do Pici foi derrotado pelo Fluminense, por 1 a 0, na Arena Castelão, e segue na lanterna do Brasileirão.

O time comandado por Juan Pablo Vojvoda tem apenas um ponto conquistado após seis jogos e é o único que não venceu até agora na competição.

Já o Fluminense chegou a 11 pontos e saltou para a 7ª posição.

O JOGO

Yago Pikachu em Fortaleza x Fluminense
Legenda: Fortaleza e Fluminense se enfrentam na Arena Castelão
Foto: Thiago Gadelha/SVM

O Fortaleza foi superior na partida, com mais posse de bola (63% x 37%) e muito mais finalizações (23 x 7). Mas o volume de jogo não foi convertido em gols. O Fluminense, ao contrário, teve somente 3 chutes na direção do gol, mas um deles entrou.

Logo aos 8 minutos, Luiz Henrique aproveitou vacilo da defesa leonina, deixou Juninho Capixaba no chão e chutou. Max Walef falhou e aceitou.

Daí em diante, o Fortaleza foi pra cima e buscou o ataque de toda maneira. Teve bola na trave, defesas difíceis de Fábio e chutes para fora. Mas ninguém foi capaz de colocar a bola na rede.

RECLAMAÇÕES

Jogadores do Fluminense comemoram gol
Legenda: Luiz Henrique marcou o gol do Fluminense
Foto: Thiago Gadelha/SVM

Aliás, até foi. Aos 7 minutos do 2º tempo, Moisés recebeu passe de Lucas Lima e chutou rasteiro de fora da área, marcando o que seria o gol de empate o Leão do Pici. Porém, o VAR sinalizou falta de Landázuri em Yago Felipe no início do lance, e Anderson Daronco anulou o gol.

Aos 29 minutos, foi a vez do Fluminense reclamar. Germán Cano recebeu lançamento, limpou a marcação e chutou forte, marcando o 2º do time carioca. Mas o VAR interviu novamente, desta vez anotando impedimento do camisa 14, em lance que rendeu muita reclamação do Flu.

Ouça a narração da Verdinha

Veja os principais lances da partida

Saiba como foi o jogo

Depietri com a bola é marcado por jogador do Fluminense
Legenda: Depietri entrou no 2º tempo, mas pouco fez
Foto: Thiago Gadelha/SVM

0 - 15min do 1ºT: Chove bastante e o gramado da Arena Castelão está muito molhado. Com isso, o jogo fica mais lento. Mesmo assim, o Fortaleza começou melhor, com mais posse de bola e tentando controlar as ações ofensivas, mas no primeiro ataque do Fluminense, aos 8 minutos, Luiz Henrique abriu o placar para o Fluminense em falha do goleiro Max Walef.

15 - 30min do 1ºT: O Fortaleza tenta pressionar o Fluminense em busca do empate e acaba desperdiçando duas boas chances. Aos 20 minutos, após boa troca de passes, Juninho Capixaba recebe de Moisés e manda na trave. Na sequência, após cobrança de escanteio, Fábio faz grande defesa em finalização de Silvio Romero.

30 - 45min do 1ºT: Com mais posse de bola, o Fortaleza controlou as ações ofensivas e teve mais finalizações (10 x 2). Porém, faltou efetividade. Na melhor chegada, Moisés puxou contra-ataque muito rápido, aos 40 minutos, mas tentou a jogada individual, caiu na área e pediu pênalti, que Daronco não marcou. Torcida fica na bronca ao fim do 1º tempo.

SEGUNDO TEMPO

0 - 15min do 2ºT: O panorama do jogo na volta do intervalo é o mesmo, com mais pressão do Fortaleza. O time da casa chega ao empate com Moisés, logo aos 7 minutos, mas após revisão no VAR, o árbitro Anderson Daronco acaba anulando o gol por conta de falta de Landázuri em Yago Felipe, bem na origem da jogada. Muita reclamação dos leoninos com a arbitragem.

15 - 30min do 2ºT: O Fluminense tenta sair mais para o ataque e consegue o 2º gol. Aos 29 minutos, Germán Cano recebeu na área, limpou a marcação de Jussa e mandou para as redes, mas após revisão no VAR, Daronco anotou impedimento, anulando o lance.

30 - 45min do 2ºT: O Fortaleza vai pro tudo ou nada. Vojvoda coloca vários atacantes em campo e tenta o empate a todo custo. O time cria três boas oportunidades, mas Fábio faz boa defesa em chute de Robson e, na sequência, Lucas Lima finaliza e Luccas Claro afasta quase em cima da linha. Na outra oportunidade, Robson chuta cruzado e Renato Kayzer chega atrasado. A bola passa na frente do gol, mas não entra! O Fluminense responde com Germán Cano, mas Max Walef faz boa defesa.

Quero receber conteúdos exclusivos de esporte