Fortaleza bate Grêmio na Arena Castelão e volta a vencer como mandante na Série A após cinco jogos

O Tricolor volta a campo no sábado (16), às 19h (horário de Brasília), contra a Chapecoense. O duelo, válido pela 27ª rodada, acontece na Arena Condá, em Chapecó

Legenda: Yago Pikachu chegou ao 8° gol na temporada 2021 pelo Fortaleza
Foto: Kid Júnior / SVM

O Fortaleza venceu o Grêmio, por 1 a 0, nesta quarta-feira (13), na Arena Castelão, pela 26ª rodada da Série A do Campeonato Brasileiro. Yago Pikachu marcou o único gol da partida. O resultado quebrou um incômodo jejum de vitórias do Tricolor do Pici atuando como mandante na competição nacional: voltou a vencer após cinco jogos sem triunfar em solo cearense (dois empates e três derrotas).

Com a vitória, a equipe de Juan Pablo Vojvoda chegou aos 42 pontos e reassumiu a 3ª colocação. O Grêmio, por sua vez, permanece na vice-lanterna, com 23 pontos.

O Tricolor do Pici volta a campo no sábado (16), às 19h (horário de Brasília), contra a Chapecoense. O duelo, válido pela 27ª rodada, acontece na Arena Condá, em Chapecó.

O jogo

Enfrentando um Grêmio cheio de modificações, entre suspensões, além da demissão do técnico Luiz Felipe Scolari, o Fortaleza adotou uma postura reativa dentro de campo. Com a posse de bola em favor dos gaúchos, a equipe de Juan Pablo Vojvoda explorava a velocidade da dupla de ataque (Robson-David).

A transição rápida da defesa para o ataque foi o carro-chefe do Tricolor do Pici na partida. Logo aos 6 minutos, em boa escapada, Matheus Vargas acionou Yago Pikachu pela direita, mas na hora do arremate, Kannemann interceptou.

A resposta gaúcha veio minutos depois, com o volante Lucas Silva. O camisa 16 recebeu na entrada da área, mas mandou para fora. Alisson, aos 22 minutos, também teve oportunidade, mas parou em Felipe Alves.

O domínio do confronto, no entanto, foi todo do Fortaleza. O meio-campista Matheus Vargas foi o principal jogador da equipe de Juan Pablo Vojvoda. Aos 24 minutos, o camisa 96 finalizou de fora da área, a bola desviou em Rodrigues, mas Brenno defendeu milagrosamente. Um minuto depois, o meia voltou a assustar, dessa vez finalizando sobre o gol.

A grande chance, no entanto, não esteve nos pés de Matheus Vargas, mas saiu do camisa 96. O meia encontrou David na área, que girou o corpo e finalizou cara a cara com Brenno, mas mandou para fora.

Estatísticas do 1° tempo

  • Posse de bola: 46% (FOR) x 54% (GRE)
  • Finalizações: 10 (FOR) x 7 (GRE)
  • Faltas: 4 (FOR) x 2 (GRE)
  • Cartões amarelos: 1 (FOR) x 0 (GRE)
  • Desarmes: 6 (FOR) x 7 (GRE)
  • Interceptações: 3 (FOR) x 7 (GRE)
  • Cortes: 3 (FOR) x 14 (GRE)

Legenda: O meio-campista Matheus Vargas foi o principal destaque do Fortaleza no 1° tempo
Foto: Kid Júnior / SVM

Segundo tempo

A postura do Fortaleza na etapa final seguiu igual. A equipe chegava com perigo, mas deixava a posse com os gaúchos. Entretanto, a falta de pontaria também seguiu sendo o grande problema no 2° tempo, além da estrela do goleiro Brenno.

Logo aos 2 minutos, Lucas Crispim cobrou falta e o arqueiro gremista defendeu. Aos 6, Matheus Vargas fintou a marcação e finalizou. Novamente, Brenno defendeu. Mas, a melhor oportunidade do jogo saiu dos pés de David, após fintar o goleiro na área e ser desarmado na hora da finalização por Guilherme Guedes.

Um lance polêmico ainda marcou o duelo entre cearenses e gaúchos. Aos 15 minutos, Matheus Vargas foi derrubado por Guilherme Guedes na área. Após análise do VAR, a arbitragem mandou o lance seguir. Entretanto, o atleta gremista pisou e torceu o tornozelo do camisa 96.

A pressão imposta pelo Tricolor do Pici persitiu até durante todo o confronto. Aos 29 minutos, o volante Felipe arriscou de fora da área e obrigou o goleiro Brenno a salvar o Grêmio mais uma vez.

A insistência deu resultado: aos 33 minutos, Yago Pikachu recebeu excelente passe de Romarinho e bateu cruzado. Brenno não conseguiu salvar.

Em vantagem no confronto, o Fortaleza administrou o resultado até os minutos finais.

Estatísticas gerais da partida

  • Posse de bola: 48% (FOR) x 52% (GRE)
  • Finalizações: 22 (FOR) x 13 (GRE)
  • Faltas: 12 (FOR) x 17 (GRE)
  • Cartões amarelos: 1 (FOR) x 2 (GRE)
  • Desarmes: 9 (FOR) x 13 (GRE)
  • Interceptações: 6 (FOR) x 11 (GRE)
  • Cortes: 5 (FOR) x 22 (GRE)

Legenda: Yago Pikachu, aos 33 minutos do 2° tempo, marcou o gol da vitória do Fortaleza
Foto: Kid Júnior / SVM

Quero receber conteúdos exclusivos de esporte