Com chegada de Vojvoda, Fortaleza deve ir ao mercado em busca de contratações

Presidente Marcelo Paz afirmou que a avaliação sobre a necessidade de reforços dependerá de análise que o novo técnico fará sobre o elenco

vojvoda
Foto: Raul Arboleda / AFP

O técnico Juan Pablo Vojvoda já tem data para desembarcar na capital cearense. O argentino é esperado nesta sexta-feira (7) e deverá, desde então, já iniciar o processo de imersão no clube para começar os trabalhos. Etapa primordial, claro, é a avaliação do elenco leonino, o que poderá indicar a necessidade de reforços para o Fortaleza.

Em entrevista ao programa Show de Bola, da Rádio Verdes Mares, na última terça-feira (4), o presidente Marcelo Paz garantiu que o clube irá ao mercado em busca de contratações, caso este seja o desejo do novo técnico.

"Naturalmente pode surgir a necessidade de um ou dois nomes, talvez três, e lógico que vou ter que ir atrás de trazer para viabilizar o trabalho.A gente tem que fazer (contratações). Precisando, temos que fazer. Lógico que com equilíbrio, dentro de limites. Se chegar alguém, talvez vá sair alguém, é natural. Tudo isso está meio que projetado, mas lógico que vamos aguardar o que ele vai decidir e indicar. Dentro da nossa necessidade, a gente vai tentar viabilizar", afirmou o mandatário leonino.

"Não adianta a gente trazer o treinador e não dar as peças que ele deseja. Claro que para ele vir pra cá, olhou muito o nosso time, minuciosamente, jogador por jogador. Assistiu jogos diferentes, partidas em que atuamos de forma mais reativa, outras de maneira mais propositiva. Jogos que ganhamos, jogos que perdemos, dentro de casa, fora de casa, então ele viu que aqui já tem muita coisa dentro do perfil dele", complementou.

Análise prévia

A indicação de reforços, porém, somente ocorrerá após análise mais detalhada que o novo treinador fará sobre o atual elenco.

"Primeiro ele vai, no dia a dia, conhecer mais o trabalho. Por mais que mande material, vídeos, passando características, o dia a dia diz mais. A presença diz mais. Então ele vai conviver com os nossos jogadores, com o que se tem aqui, que a gente conhece bem, para ter o feelling dele. Conhecimento e adaptação. E, a partir daí, pode surgir alguma necessidade de contratação", ressaltou Paz.

Mercado estrangeiro

Vovjota em comemoração
Legenda: Vojvoda tem estilo de jogo ofensivo e de posse de bola e já trabalhou no Defensa y Justicia, da Argentina
Foto: Defensa y Justicia

A chegada de Juan Pablo Vojvoda abre, também, portas para que o Fortaleza aumente a prospecção de reforços no mercado internacional.

"O mercado estrangeiro fica mais aberto, sim. Principalmente dos jogadores argentinos, já que ele é argentino, e também do mercado chileno, que ele esteve recentemente no Unión La Calera. Fez um campeonato inteiro e conhece jogadores que trabalhou junto ou que jogou contra, e que podem ter o perfil de nos ajudar", finalizou

Quero receber conteúdos exclusivos de esporte