Ceará vence Brusque de virada e garante vaga nas oitavas da Copa do Brasil

Vovô bateu o rival catarinense por 5 a 1 nesta quarta-feira (23) na Arena Castelão

Legenda: O primeiro gol do Ceará em campo foi marcado por Rafael Sobis
Foto: Thiago Gadelha / SVM

O Ceará está classificado às oitavas da Copa do Brasil. Em duelo na Arena Castelão, no confronto de volta com o Brusque-SC, nesta quarta-feira (23), o Alvinegro venceu por 5 a 1 - o duelo de ida terminou em 2 a 0.

Os gols do triunfo foram de Rafael Sobis, duas vezes, Bergson, Pagnussat e Airton (contra). De pênalti, Alex Sandro marcou para os visitantes.

Além da vaga, o Vovô faturou R$ 2,6 milhões em receita. A equipe aguarda sorteio da CBF para saber o adversário do próximo mata-mata, que inclui os times da Libertadores (Athletico/PR, Corinthians, Flamengo, Grêmio, Internacional, Palmeiras, Santos e São Paulo), além dos campeões de 2019 da Copa Verde (Cuiabá/MT), Série B (RB Bragantino) e Copa do Nordeste (Fortaleza).

Todos podem se enfrentar em confronto, sem nenhuma restrição gerada pela entidade - o duelo dependerá exclusivamente do sorteio.

No torneio, o time de Guto Ferreira havia eliminado Bragantino/PA, Oeste, Vitória. Para sequência da temporada, o clube encara agora o Goiás, domingo (27), às 18h15, em casa, pela 12ª rodada da Série A.

Ouça o CearáCast

Powered by RedCircle

O jogo

Com os titulares em campo, o Ceará iniciou a partida com postura agressiva. No primeiro minuto de partida, Bruno Pacheco invadiu a grande área e finalizou assustando a defesa do Brusque-SC. Apesar do ensaio e da posse, os visitantes deixaram as linhas altas e tentaram pressionar o Vovô.

Em uma saída de bola errada de Luiz Otávio, Garcez dividiu bola com Prass e ficou caído na grande área. Para o comentarista de arbitragem Márcio Rezende, da Central do Apito, não houve falta. A arbitragem resolveu marcar, e Alex Sandro deslocou Prass na batida: 1 a 0.

Apesar do placar adverso, o time alvinegro seguiu pressionando. Melhor tecnicamente, levou perigo em arremates da intermediária com Ricardinho e Vina. O volume se converteu em empate aos 45, quando Rafael Sobis aproveitou lançamento em profundidade e bateu na saída do goleiro: 1 a 1.

Na volta do intervalo, o Alvinegro entrou com ritmo mais acelerado. Em cinco minutos, levou muito perigo com Sobral e Leandro Carvalho. E o tento veio aos 18, em infiltração de Sobis para nova assistência de Vina: 2 a 1.

Com o placar favorável, Guto mexeu no time e lançou Wescley, Felipe Silva e Bergson. Em grande triangulação do trio, o centroavante ampliou o placar aos 29: golaço no 3 a 1.

O confronto então foi ampliado com participação de Léo Chú, outra aposta do treinador. O atacante entrou e logo na primeira jogada, bateu cruzado da esquerda aos 33. Airton tentou o corte e mandou contra a própria meta, deixando tudo em 4 a 1. No fim, aos 45, em cobrança de escanteio de Vina, Pagnussat fechou o 5 a 1. O Vovô venceu na Arena Castelão.

Ficha Técnica

Ceará 5x1 Brusque

Competição: Copa do Brasil - 4ª fase

Data: 23/09/2020

Horário: 21h30

Local: Arena Castelão

Gols: Alex Sandro - 18´/1º T (0-1), Sobis - 45´/1º T (1-1), Sobis - 18´/2º T (2-1), Bergson - 29´/2º T (3-1), Airton (contra) - 32´/2º T (4-1) e Pagnussat - 44´/2º T (5-1)

Cartões amarelo: Fernando Prass (C), Léo Chú (C) e Edilson (B).

Brusque: Zé Carlos; Edilson, Cleyton, Alemão (Claudinho) e Airton; Potiguar (Emerson), Alex Sandro (Dandan), Zé Mateus e Itinga (Fabinho); Garcez e Marco Antonio (Eliomar). Técnico: Jerson Testoni.

Ceará: Prass; Bruno Pacheco (Kelvyn), Luiz Otávio, Pagnussat e Samuel Xavier; Ricardinho (Léo Chú) e Charles; Sobral, Vina (Wescley) e Leandro Carvalho (Baxola); Sobis (Bergson). Técnico: Guto Ferreira.

Quero receber conteúdos exclusivos de esporte