Sarto cria projeto para mil bolsas de mestrado e doutorados para professores da rede municipal

Proposta será encaminhada e apreciada no plenário da Câmara Municipal de Fortaleza

mestrado e doutorado para professores da rede municipal de Fortaleza
Legenda: Prefeito também criou Observatório da Educação para monitorar qualidade do ensino municipal
Foto: Kid Junior

O prefeito de Fortaleza, Sarto Nogueira, assinou nesta segunda-feira (25) projeto de lei que cria mil bolsas de mestrado e doutorado para professores da rede municipal de Fortaleza. A proposta será encaminhada à Câmara Municipal. 

Segundo o gestor, a mensagem prevê o financiamento de 700 bolsas com investimento de R$ 32,1 milhões. As 300 bolsas restantes serão fruto de convênio com universidades, cujo repasse será de R$ 8,5 milhões. 

"Nós vamos investir [ao todo] R$ 40.660.000,00 para atingir a meta de dar e continuar dando um ensino de qualidade para o nosso fortalezense", pontuou Sarto.

Contudo, o chefe do Executivo municipal não detalhou quais programas de pós-graduação serão ofertados, assim como os critérios e seleção para preenchimento das vagas.

O Diário do Nordeste solicitou mais informações à Secretaria Municipal da Educação (SME), e aguarda retorno. Esta matéria será atualizada mediante retorno da Pasta. 

Monitoramento

Outra mensagem que deverá ser apreciada no plenário da Câmara Municipal trata da criação do Observatório da Educação, um instrumento da SMS para aferir as políticas públicas locais voltadas ao fortalecimento do ensino.

Entre os objetivos do programa, estão o desenvolvimento de pesquisas educacionais, análise de como os projetos repercutem no sistema educacional e no desempenho escolar dos alunos, além da qualificação dos profissionais.  

Quero receber conteúdos exclusivos do Papo Carreira