Floresta inicia decisão da Série D contra Mirassol na Arena Castelão; veja onde assistir

Verdão da Vila Manoel Sátiro está invicto em casa e tenta o primeiro título nacional do clube, que inicia no processo profissional em 2015. A bola rola às 16h, em casa, e o time alviverde chega após eliminar o Novorizontino na semifinal

Legenda: O Floresta é o terceiro clube cearense a chegar na final da Série D
Foto: Ronaldo Oliveira / Floresta

A delegação do Floresta está na história do futebol cearense: com apenas seis anos de futebol profissional, conquistou o acesso à Série C do Brasileiro. A glória eterna foi alcançada e pode ser ampliada para novo patamar hoje, com a disputa das finais da 4ª divisão. O primeiro compromisso contra o Mirassol-SP ocorre às 16h, na Arena Castelão.

O duelo é um marco também por ocorrer no maior palco esportivo do Estado. O Lobo da Vila Manoel Sátiro busca a consolidação com troféus e chega para o compromisso com força máxima após eliminar o Novorizontino/SP, um dos favoritos da competição.

No caminho até a final, a equipe se iguala também com Guarany de Sobral e Ferroviário como únicos representantes locais que chegaram na finalíssima. O detalhe: ambos foram campeões, respectivamente, em 2010 e 2018.

“A expectativa é tentar reproduzir o que fizemos até agora. Equilibrado, com muita concentração, para fazer um bom jogo e ser merecedor no decorrer do jogo porque são decididos nos pequenos detalhes, eles fazem a diferença. É preciso de um nível de concentração muito elevado, mas nos preparamos para isso”, explicou o técnico Leston Júnior.

Dos elementos da partida, a equipe busca aproveitar a oportunidade de atuar em casa. No confronto de 180 minutos, a expectativa é conseguir vantagem dentro dos próprios domínios antes da viagem para São Paulo - a volta está prevista para sábado (6), às 16h, no Estádio Municipal de Mirassol.

Força em casa

Legenda: Na semifinal da Série D, o Floresta eliminou o Novorizontino, um dos favoritos ao título
Foto: Ronaldo Oliveira / Floresta

No retrospecto, o Floresta fez 11 partidas como mandante na Série D. E a equipe mantém uma invencibilidade desde o início da participação. Ao todo, são sete vitórias e quatro empates, com 21 gols marcados e oito sofridos.

O placar mais expressivo foi o triunfo de 5 a 1 diante do Afogados/PE. No mata-mata, conseguiu resultado positivo na 2ª fase (Itabaiana), Oitavas (Juventude de Samas-MA) e quartas (América-RN).

A postura predominante atravessa o esquema 4-2-3-1. Apesar do centroavante Núbio Flávio ter brilhado nas semifinais ao balançar as redes, a expectativa é que Luis Soares retome a posição.

O aspecto positivo é desenhado também pelo número de peças disponíveis. O Floresta entra na decisão sem nenhum desfalque e deve apostar na manutenção da posse, controlando o ímpeto rival e ganhando espaço no quesito técnico com nomes como o volante Marconi.

Mirassol

Legenda: Eduardo Baptista é tratado como um dos técnicos emergentes do futebol brasileiro
Foto: divulgação

Um dos times mais tradicionais do interior de São Paulo, o Mirassol é o dono do melhor ataque da Série D: são 47 gols marcados em 22 partidas. Por conta do fator ofensivo, o técnico Eduardo Baptista comemorou pela partida de ida ser na Arena Castelão.

“Jogar no Castelão é um prêmio para quem jogou futebol na Série D, para quem se propôs a jogar de forma ofensiva. Acho que é um prêmio para esses atletas. É um momento muito especial jogar lá. Para mim, em particular, fui campeão em 2014 pelo Sport, foi meu primeiro título como treinador, um dia emblemático”, declarou ao relembrar título da Copa do Nordeste pelo Sport, contra o Ceará.

O destaque da equipe é Fabrício Daniel. O atacante de 23 anos soma 11 gols em 19 oportunidades.

Ficha técnica

Série D - Final

Arena Castelão, em Fortaleza/CE

30 de janeiro - 16h

Árbitro:  Jefferson Ferreira de Moraes (GO)

Transmissão: ao vivo na Rádio Verdes Mares e TV Brasil

Floresta: Douglas Dias; Lito, William Goiano, Alisson e Fábio Alves; Jô, Marconi, Thalison, Deysinho e Luis Soares; Flávio Torres. Técnico: Leston Júnior.

Mirassol: Felipe Lacerda; Danilo, Baracioli, Heitor e Moraes; Daniel, Cássio Gabriel, Rafael Tavares e Netto; João Carlos e Fabrício Daniel. Técnico: Eduardo Baptista.

Quero receber conteúdos exclusivos de esporte