Diá lamenta chances perdidas pelo Ferroviário mas valoriza G4: "Este é o objetivo"

Time coral não aproveita chances que teve diante do Botafogo/PB no Elzir Cabral, deixa liderança escapar, mas treinador lembra que o Ferroviário está no G4

Diá comandando o Ferroviário no Elzir Cabral diante do Botafogo/PB pela Série C
Legenda: O Ferroviário do técnico Francisco Diá tem mais um desafio pela Série C
Foto: THIAGO GADELHA

O Ferroviário empatou em 0 a 0 com o Botafogo/PB no Elzir Cabral pela 10ª rodada da Série C do Brasileiro, o 2º seguido do clube na competição. E o técnico Francisco Diá, lamentou as chances perdidas neste jogo e nos anteriores, mas valorizou a presença coral no G4, em 3º com 16 pontos.

Perdemos algumas chances, principalmente no 2º tempo, com as entradas de Dudu e Cariús, tentamos de todas as formas, mas eles vieram muito retrancados. Temos sofrido com a retranca dos adversários, marcamos poucos gols mas também não temos sofrido. Mas o importante é que nós temos nos mantido ali no G4. Este é nosso objetivo em busca da classificação
Francisco Diá
Técnico do Ferroviário

E os Gols?

Pela falta de gols - são apenas 7 em 10 partidas - ele sente a necessidade de reforços, como um meia e um atacante. Mas não pressiona a diretoria, valorizando seu grupo.

"A gente tem conversado, mas não se acha jogador mercado que esteja jogando. A gente tem a necessidade de mais um atacante mais velocidade e mais uma meia,  mas vamos aguardar. O elenco é muito bom, os jogadores são capacitados para serem titulares".

Reação

Sobre o duelo com o Altos, na próxima rodada, no dia 8, às 16 horas no Lindolfo Monteiro, no Piauí, o treinador coral espera que a equipe aproveite melhor as oportunidades.

"Contra o Paysandu criamos e marcamos, vamos tentar buscar pontos fora de casa agora. Estes dois empates não foram bons (contra Floresta e Botafogo/PB), queríamos a vitória, mas vamos em busca de pontos fora de casa".

Quero receber conteúdos exclusivos de esporte