Cardeal admite que Igreja católica destruiu arquivos sobre abusos sexuais

O cardeal alemão Reinhard Marx ainda pediu mais transparência sobre os julgamentos realizados pela Igreja e exigiu a divulgação do número de casos