Ex do homem mais rico do mundo vai doar metade da fortuna do divórcio para caridade

MacKenzie Bezos vai contribuir com organização fundada por Bill Gates

Legenda: Divórcio de MacKenzie e Jeff Bezos foi anunciado há seis meses
Foto: AFP

MacKenzie Bezos vai doar metade da sua fortuna à organização de caridade Giving Pledge, cerca de seis meses após o anúncio de seu divórcio do milionário americano Jeff Bezos, fundador da Amazon, dono do jornal "The Washington Post",  e considerado o homem mais rico do mundo.

>Homem mais rico do mundo acusa tabloide de chantagem com fotos pessoais

A organização, fundada em 2010 por Warren Buffett e Bill Gates, incluiu MacKenzie Bezos entre 19 novos contribuintes de China, Suíça, Emirados Árabes Unidos, Estados Unidos e Grã-Bretanha.

MacKenzie Bezos se tornará uma das pessoas mais ricas do mundo - com uma fortuna estimada em 36 bilhões de dólares -, quando concluir seu divórcio com Jeff, o homem mais rico do mundo, segundo o acordo de separação anunciado em abril.

Em um texto publicado na terça-feira no site da Giving Pledge, MacBenzie Bezos, de 49 anos, afirma que tem uma "soma desproporcional de dinheiro para compartilhar".

Também se compromete a não desistir de seus projetos filantrópicos: "Levará tempo e esforço e dedicação. Mas não esperarei. E continuarei nele até que a caixa forte esteja vazia".

Quero receber conteúdos exclusivos sobre o mundo