CBF e clubes da Série A irão propor ao Bahia alternativa para retorno do público aos estádios

O assunto será debatido em reunião do conselho técnico da Série A, nesta terça-feira (28), que contará com a presença de representantes dos 20 clubes

Foto: Divulgação/Secom/BA

Dos 20 clubes da Série A do Campeonato Brasileiro, 19 já conseguiram a liberação das respectivas autoridades locais para retorno gradativo do público aos estádios. Por determinação do Governo do Estado, o Bahia é o único que não está liberado. Porém, em reunião do conselho técnico da Série A, que será realizada nesta terça-feira (28), CBF e os demais times irão propor uma alternativa ao Tricolor Baiano.

A primeira sugestão será de que, mesmo com a liberação das autoridades estaduais, os times que jogarem em casa contra o Bahia atuarão sem a presença de torcedores.

A medida visa manter a isonomia pregada pelos clubes anteriormente, de forma, também, que os outros jogos da rodada (que não envolverão o Esquadrão) não sejam afetados.

Uma segunda possibilidade é o Bahia mandar partidas em outro Estado. A cidade de Aracaju é cotada para receber o time nos duelos válidos pela Série A do Campeonato Brasileiro. A distância entre Salvador e a capital sergipana é de aproximadamente 320 km.

A CBF e todos os clubes querem o retorno das torcidas, inclusive o Bahia. O discurso sempre foi de retomar apenas quando 100% dos times pudessem contar com público, mas com 19 clubes autorizados e apenas um restante, a busca é por alguma solução que contemple a vontade geral.

Caso o Bahia não esteja de acordo com nenhuma destas soluções, caberá ao conselho técnico encontrar uma saída, ou então cada clube poderá ficar livre para seguir as diretrizes estaduais, fazendo prevalecer a maioria e isolando o Tricolor.